Seis pessoas morreram nas rodovias federais do Paraná no feriado de Páscoa

Mariana Ohde e Assessoria

O número é 57,1% menor do que o registrado no mesmo feriado de 2017.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou seis mortes nas rodovias federais do Paraná durante a Operação Semana Santa deste ano. O número é 57,1% menor do que o registrado no mesmo feriado de 2017, quando 14 pessoas morreram.

Ao longo de quatro dias de operação, entre a última quinta-feira (29) e ontem (1º), a PRF contabilizou 104 feridos e atendeu 102 acidentes.

As equipes da PRF flagraram 77 motoristas dirigindo sob efeito de bebidas alcoólicas, 520 ultrapassagens proibidas e 6.913 veículos acima da velocidade máxima permitida pela sinalização.

Em 71 abordagens, os policiais rodoviários federais se depararam com veículos nos quais crianças eram transportadas sem cadeirinha, assento de elevação ou bebê-conforto –equipamentos de retenção de uso obrigatório para crianças de até sete anos e meio de idade.


No total, 210 veículos foram recolhidos aos pátios pela PRF, por diversas irregularidades. Entre as causas dos cinco acidentes que resultaram nas seis mortes deste ano estão excesso de velocidade, embriaguez e desatenção. Quatro das seis mortes ocorreram em trechos de reta e com pista seca. Metade das vítimas morreram em colisões frontais.

Confira os números da Operação Semana Santa 2018 no Paraná:

– 6 mortes;
– 104 feridos;
– 102 acidentes;
– 77 flagrantes de embriaguez;
– 520 ultrapassagens proibidas;
– 6.913 casos de excesso de velocidade;
– 71 crianças sem cadeirinha.

Post anteriorPróximo post
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal