Embarcação irregular naufraga e deixa um ferido

Fernando Garcel


Redação com Narley Resende | BandNews FM Curitiba

[insertmedia id=”DYEg3C-IdIA”]

A Capitania dos Portos do Paraná confirmou o naufrágio de uma embarcação com oito passageiros no fim da tarde de quinta-feira (1º) entre Pontal do Paraná e a Ilha do Mel, no Canal da Galheta.

Uma lancha que opera como táxi náutico transportava oito passageiros sem autorização. A embarcação virou por causa de uma onda e da velocidade que estaria acima do recomendado para as condições do mar, segundo a Associação dos Barqueiros das Bahias do Litoral Norte do Paraná (Abaline).

De acordo com o presidente da Abaline, Ariovaldo Fernandes, o barqueiro não possui autorização para transportar passageiros. “Não é a primeira a primeira lancha que acontece isso. A gente vem alertando o Estado há tempos. O pessoa aborda os turistas, enganam e dizem que aquele é o transporte regular para a Ilha do Mel. Ontem foi sorte a gente ter avistado e resgatado as pessoas”, conta Fernandes.

Um dos passageiros teve um corte na cabeça, mas não corre risco. Os passageiros foram resgatados por uma barca que passava pelo trecho.

Jovem morre após naufrágio de canoa na baía de Antonina
Náufrago nada por 3 horas até encontrar ilha no litoral do Paraná
Segunda vítima de afogamento após passeio no mar é encontrada em Guaratuba

Em nota, a Capitania dos Portos diz que, após o naufrágio, militares foram ao local para averiguar a situação, que a embarcação permanece submersa e que vai tomar providências para garantir a segurança da navegação na área. Uma investigação foi aberta para apurar as causas, circunstâncias e responsabilidades do acidente.

Previous ArticleNext Article