Com geada a caminho, FAS reforça atendimento

Metro Jornal Curitiba


O inverno voltará a dar sua cara nos próximos dias. A Defesa Civil de Curitiba e o Simepar emitiram um alerta de geada para amanhã no extremo sul de Curitiba e região metropolitana, a oeste e sul (Campo Largo, Araucária e Fazenda Rio Grande).

Segundo a previsão do Simepar, a temperatura mínima na capital amanhã deve ser de apenas 4ºC, com frio intenso na madrugada, manhã e novamente à noite.

Em cidades como Guarapuava, Rio Negro e União da Vitória os termômetros devem ficar negativos. Geadas são previstas para quase todo o estado, com forte intensidade na região sul e sudoeste, moderada no centro e a oeste e fraca em uma faixa que vem do noroeste até a capital, passando pelos Campos Gerais. Hoje pela manhã, uma geada fraca já deve acontecer no oeste, sudoeste e sul do Paraná.

Como a previsão era de que a temperatura ficasse na casa dos 10ºC já nesta madrugada, a FAS (Fundação de Ação Social) reforçou a abordagem social e acolhimento da população em situação de rua ontem à noite, com 14 educadores sociais distribuídos em sete kombis – as regionais Matriz e Portão tiveram equipes exclusivas devido à maior concentração de pessoas nas ruas.

A medida, que é adotada nas noites em que a temperatura for igual ou menor a 9ºC, será repetida hoje, amanhã e sábado à noite, já que as mínimas ficam abaixo disso. Quem aceitar pernoitar será levado para uma das 18 unidades de acolhimento da capital, sendo 12 oficiais e seis conveniadas, que juntas têm 1.188 vagas. De acordo com a FAS, todos têm direito a levar seus pertences em bolsas ou mochilas e também animais de estimação.

Previous ArticleNext Article