860 mil paranaenses têm o título de eleitor cancelado

Mariana Ohde e Assessoria

Os dados são do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR).

Cerca de 860 mil paranaenses tiveram os títulos de eleitor cancelados após o fim do prazo para a regularização do documento, na quarta-feira (9). Os dados são do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR).

Com isso, 864.179 eleitores não poderão votar nas eleições deste ano para presidente da República, governadores estaduais, dois terços do Senado, deputados federais e deputados estaduais ou distritais.

Do total de cancelamentos, a maioria (700.688) foi porque os eleitores deixaram de fazer o registro da biometria. O segundo motivo mais recorrente (163.491) foi o não comparecimento nas últimas três eleições ou mais.

Entre outros motivos que podem levar ao cancelamento estão a morte, pluralidade de inscrição e perda de direitos políticos. Quem tem o título cancelado fica proibido de: votar, inscrever-se em concurso público, obter passaporte ou CPF, renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial, obter empréstimos em estabelecimentos de crédito mantidos pelo governo, participar de concorrência pública e praticar qualquer ato para o qual se exija quitação do serviço militar ou imposto de renda.


Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook