Operação conjunta combate desvio de grãos em Paranaguá

Simone Giacometti


A Polícia Rodoviária Federal, em conjunto com a Polícia Militar Ambiental, o Corpo de Bombeiros, a Prefeitura de Paranaguá e a Agência de Defesa Agropecuária do Paraná, realizou uma operação nesta quinta-feira (12) com o objetivo de combater a comercialização criminosa de grãos furtados de caminhões em Paranaguá.

Os veículos carregados que seguem ao Porto de Paranaguá são atacados por quadrilhas durante o percurso. Eles trafegam em velocidade reduzida, o que facilita o acesso de pessoas à carga. Os ladrões acionam o dispositivo para descarregar a mercadoria, na rodovia mesmo. Assim que os grão caem no asfalto, integrantes desses grupos criminosos recolhem tudo e encaminham para barracões, onde é feita a armazenagem e o ensaque, para a revenda.

Cinco depósitos clandestinos foram lacrados pela prefeitura, dez multas ambientais aplicadas e 200 toneladas de fertilizantes apreendidos.  Um homem foi preso por receptação qualificada, e pode pegar de um a quatro anos de prisão.  Os estabelecimentos não tinham os documentos exibidos para funcionar.

Durante as fiscalizações,  33 pessoas e 71 veículos foram revistados.  A polícia mantém as investigações para identificar as pessoas que furtam os grãos dos caminhões na rodovia. Para este tipo de crime, a pena é de dois a oito de reclusão.

 

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="611430" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]