69 pássaros silvestres são apreendidos em Curitiba e homem é preso

Vinicius Cordeiro


69 pássaros silvestres, sendo um deles ameaçado de extinção, foram apreendidos pela Rede de Proteção Animal da Prefeitura de Curitiba nesta quinta-feira (11) no bairro Boqueirão. A operação de fiscalização foi feita depois de uma denúncia recebida pela Polícia Civil.

O local onde os animais estavam não tinha condições de higiene e nem recebia luz solar. Também foram levadas as caixas de papelão onde as aves eram transportadas até suas vendas.

Um homem foi preso e, segundo a PC, é um dos maiores comerciantes de aves silvestres da capital paranaense. Ele foi multado em R$ 35 mil pela Rede de Proteção Animal, além de ser autuado em flagrante pelos crimes de comércio ilegal de animal silvestre, amus tratos contra as aves e uso de sinal falso, já que uma das aves apresentava uma anilha de identificação falsificada.

Os animais foram encaminhados para o Centro de Apoio à Fauna Silvestre (CAFS), no Capão da Imbuía. De acordo com o convênio entre o município e o Instituto Ambiental do Paraná (IAP), é de responsabilidade do órgão ambiental do Estado definir o destino adequado aos animais.

LEIA TAMBÉM:

 

Previous ArticleNext Article