Acidente na BR-277: homem morre e motorista de caminhão perde o braço no Paraná

Redação

Segundo a PRF, o acidente na Serra do Mar deixou duas pessoas gravemente feridas
acidente br-277 serra do mar

Um homem morreu e um motorista de um caminhão-cegonha perdeu um braço no acidente da BR-277, que liga Curitiba com as praias do Paraná, na tarde desta sexta-feira (16). Outra pessoa também ficou gravemente ferida no episódio que envolveu três caminhões e seis veículos. As informações foram divulgadas pela PRF (Polícia Rodoviária Federal).

Segundo a corporação, o acidente aconteceu por volta das 16h30 no quilômetro 43 da rodovia, na Serra do Mar. A pista sentido Curitiba está totalmente interditada e não há previsão de liberação.

O homem gravemente ferido foi socorrido por um helicóptero do Corpo de Bombeiros e encaminhado a um hospital da capital paranaense. Não foram divulgadas informações sobre o outro ferido e nem a idade da vítima fatal.

Conforme a PRF, a causa do acidente foi o tombamento de um caminhão-cegonha. A carreta transportava diverso automóveis, sendo que cinco caíram na pista. Um deles colidiu com um carro, onde estava o motorista que faleceu.

“Uma cegonha seguia sentido Paranaguá quando perdeu o controle, colidindo com a mureta de divisão de pistas e ejetando três veículos da carga que transportava. Um dos carros atingiu um veículo que estava sentido Curitiba, provocando óbito do condutor e lesões graves no passageiro. Logo após a cegonha cruzou a pista e atingiu outros dois caminhões”, relatou o policial rodoviário Gemin.

Ainda segundo o agente, nenhum dos ocupantes das carretas atingidas sofreram ferimentos.

O Paraná Portal obteve um vídeo do local após o acidente. Assista:

ACIDENTE NA BR-277 CAUSA CONGESTIONAMENTO NA PISTA SENTIDO CURITIBA

De acordo com a Ecovia, concessionária responsável por administrar o trecho da BR-277, ainda não há previsão para liberação da pista sentido Curitiba. O congestionamento por causa do acidente já chega a cinco quilômetros na rodovia e a orientação é para que as pessoas que vão à capital paranaense evitem pegar o trecho no início desta noite.

Previous ArticleNext Article