Biometria: 23 de março é prazo final para 10 cidades

Redação com TRE-PRA próxima sexta-feira (23) é o prazo final para a realização do recadastramento biométrico em 1..

Jordana Martinez - 22 de março de 2018, 14:41

FOTO: ASCOM / PGE/FotosPúblicas
FOTO: ASCOM / PGE/FotosPúblicas

Redação com TRE-PR

A próxima sexta-feira (23) é o prazo final para a realização do recadastramento biométrico em 10 municípios do estado do Paraná: Alto Paraíso, Alto Piquiri, Bela Vista da Caroba, Brasilândia do Sul, Congonhinhas, Santo Antônio do Paraíso, São José das Palmeiras, Terra Boa, Tupãssi e Xambrê. Para realizar o recadastramento biométrico, o eleitor deve apresentar ao cartório eleitoral documento oficial com foto e comprovante de residência.

É importante ficar atento ao endereço do cartório e ao horário de atendimento para cada município:

Congonhinhas e Santo Antônio do Paraíso – Fórum Estadual de Congonhinhas, situado na avenida São Paulo, nº 332, no Centro. Horário de atendimento: das 9h às 18h.

Bela Vista da Caroba – Fórum Eleitoral de Santo Antônio do Sudoeste, localizado na avenida Brasil, número 3, no Centro. Horário de atendimento: das 12h às 19h.

Xambrê e Alto Paraíso – Fórum Estadual de Xambrê, situado na rua Roque Gonzales, nº 215. Horário de atendimento: das 9h às 18h.

Alto Piquiri e Brasilândia do Sul – Fórum Eleitoral de Alto Piquiri, situado na avenida Curitiba, nº 451. Horário de atendimento: das 9h às 18h.

São José das Palmeiras e Tupãssi – Fórum Eleitoral de Toledo, situado na rua Miraldo Pedro Zibetti, nº 185, no bairro Jardim Santa Maria. Horário de atendimento: das 9h às 18h.

Terra Boa – Fórum Eleitoral de Terra Boa, situado na rua Ourupu, nº 145, no Centro. Horário de atendimento: das 12h às 18h45.

O eleitor que não realizar o recadastramento biométrico dentro do prazo terá o título de eleitor cancelado e não poderá, por exemplo, inscrever-se em concurso ou tomar posse em cargo público, obter passaporte ou carteira de identidade e renovar matrícula em estabelecimento oficial de ensino enquanto não regularizar a sua situação perante a Justiça Eleitoral.