Covid-19: Paraná chega a 86 mil casos e 2,2 mil mortes, diz Sesa

Angelo Sfair

coronavírus no paraná, mortes, morte, óbito, óbitos, casos confirmados, boletim, informe epidemiológico, sesa, secretaria estadual da saúde, coronavírus, covid-19

A Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) confirmou mais 1.924 casos e 60 mortes pela Covid-19 no Paraná. O boletim do coronavírus foi atualizado no final da tarde desta quinta-feira (6).

Com as inclusões feitas nas últimas 24 horas, o Paraná acumula desde março 86.303 diagnósticos positivos e 2,2 mil mortes por complicações da doença.

De acordo com a Sesa, 1.104 pacientes com Covid-19 estão internados em hospitais das redes pública e privada. Entre eles, 502 ocupam leitos de UTI, enquanto 602 realizam o tratamento em vagas de enfermaria.

Além disso, outros 1.061 pacientes com quadros respiratórios estão internados. Eles aguardam o resultado do exame para coronavírus e, por isso, ainda são considerados casos suspeitos.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI do SUS exclusivos para pacientes com Covid-19 é de 72% em todo o Paraná. O pior cenário é registrado na região leste, onde 85% das vagas reservadas estão ocupadas.

CORONAVÍRUS NO PARANÁ

Loading…

COVID-19: NOVAS MORTES

O boletim do coronavírus atualizado nesta quinta-feira (6) pela Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) incluiu 60 mortes aos registros oficiais da doença no Paraná.

De acordo com a secretaria estadual, as vítimas eram 25 mulheres e 35 homens, com idade que variam de 18 a 91 anos. As mortes confirmadas por exames processados nas últimas 24 horas aconteceram entre 6 de julho e 6 de agosto.

Os pacientes que morreram pela Covid-19 moravam em: Curitiba (17), Arapongas (5), Apucarana (4), Maringá (4), Campo Mourão (3), Foz do Iguaçu (3), Antonina (2), Colorado (2), Fazenda Rio Grande (2), Londrina (2), Paranaguá (2) e um caso confirmado em cada município a seguir: Almirante Tamandaré, Barbosa Ferraz, Campina da Lagoa, Faxinal, Itambé, Mandirituba, Marialva, Nova Esperança, Paranavaí, Pinhais, Quinta do Sol, Quitandinha, São José dos Pinhais e Uniflor.

Previous ArticleNext Article