Urbs amplia prazo para cadastro obrigatório de motoristas de aplicativo

A Urbs ampliou até o dia 26 de fevereiro o prazo para que os motoristas de aplicativo de Curitiba realizem o cadastro. C..

Redação - 31 de janeiro de 2020, 17:22

Daniel Castellano/SMCS
Daniel Castellano/SMCS

A Urbs ampliou até o dia 26 de fevereiro o prazo para que os motoristas de aplicativo de Curitiba realizem o cadastro. Conforme a prefeitura, o prazo inicial vencia nesta sexta-feira (31). No entanto, muitas pessoas relataram problemas para finalizar o cadastro. O registro é obrigatório a todos que atuam em plataformas como Uber e 99.

De acordo com o presidente da Urbs, Ogeny Pedro Maria Neto, a prorrogação do prazo para que os motoristas de aplicativo se cadastrem se deve ao alto número de registros nesta semana. Até esta sexta-feira (31), a Prefeitura de Curitiba havia cadastrado mais de 22,6 mil motoristas.

O cadastro é obrigatório para todos os motoristas de aplicativo que realizam a atividade remunerada de transporte de passageiros.

Com a prorrogação do prazo, o início da fiscalização também foi adiado. Motoristas de aplicativos como a Uber, sem cadastro junto à Urbs, estariam sujeitos a multa a partir do dia 1º de fevereiro. No entanto, agora a fiscalização está prevista para começar no dia 2 de março.

COMO FAZER O CADASTRO NA URBS?

Uma plataforma foi criada pela Urbs para que os motoristas de aplicativos façam o cadastro na Prefeitura de Curitiba.

Conforme a empresa, os trabalhadores devem acessar a plataforma por meio deste link. Assim, o motorista deve preencher as informações solicitadas e fornecer os documentos exigidos. Confira a lista de documentos obrigatórios.