MP pede que caminhoneiro acusado de causar acidente na BR-277 vá a júri popular

BandNews FM Curitiba

caminhoneiro, jeferson borsato, mppr, ministério público, júri popular, acidente, br-277, balsa nova, paraná, caminhão, prf

O Ministério Público do Paraná pediu que o caminhoneiro Jeferson Borsato, acusado de causar um acidente que matou seis pessoas na BR-277 em maio de 2017, vá a júri popular.

Nas alegações finais, o promotor Eduardo Labruna Daiha, destaca as conclusões da perícia para reforçar a tese que o histórico registrado no disco do tacógrafo do caminhão “indica um padrão de hábito na condução do veículo”.

Conforme o promotor, o equipamento revelou velocidades médias acima dos 100 km/ h, acima da velocidade permitida. O acidente aconteceu na serra de São Luiz do Purunã, em Balsa Nova.

Borsato dirigia o caminhão carregado e não conseguiu frear. De acordo com o que foi apurado, ele atingiu três caminhões e outros cinco carros. Os peritos concluíram que o caminhão estaria com problemas no sistema de freios.

O motorista afirma que o veiculo passou por uma revisão 30 dias antes do acidente. Agora, a defesa também precisa apresentar as suas alegações finais para, depois disso, o juiz tomar uma decisão.

Previous ArticleNext Article
Avatar
em 20 minutos tudo pode mudar