Caminhoneiro viaja com duas esposas

Narley Resende


Ricardo e suas duas mulheres – Histórias e vida de caminhoneiro

Ricardo Rodrigues, 43, é caminhoneiro e apaixonado pela boleia. Mas, além dessa, tem mais outras duas paixões: suas duas mulheres. Casado com Silvana, ele passou a ter uma amante que encontrava durante as viagens pelo Brasil.

Quando Silvana descobriu, ficou brava e pediu que Ricardo parasse com a traição. Entretanto, ele não aceitou e disse que não deixaria a outra. Resumo da ópera, Silvana também não quis deixar o caminhoneiro e aceitou dividir o esposo com a amante.

Hoje, os três viajam juntos de caminhão e Ricardo é paparicado pelas duas durante toda viagem. Essa é uma das dezenas de histórias que a jornalista Mariana Kateivas escutou, enquanto viajava, de carona, em um caminhão ao produzir o fotodocumentário “(Vi)vendo na Boleia”.

Nesta quinta-feira (30) comemora-se o Dia do Caminhoneiro e para homenagear essa profissão, o Paraná Portal separou esse espaço para mostrar um pouco da realidade de vida desses profissionais por meio de fotografias.

O fotodocumentário “(Vi)vendo na Boleia”, registrou o cotidiano dessa categoria por nove dias. Mariana acompanhou os caminhoneiros Márcio Roque, 37, e Viviane Gonçalves, 37, de Maringá (PR) até Diamantino (MT), depois voltou para o Sul, no porto São Francisco do Sul (SC) e também passou pelo porto de Paranaguá (PR).

Entre as experiências de tomar banho frio e cronometrado, dormir na cabine e se alimentar no caminhão, correr o risco de ser assaltado, passar mais 24h em uma fila na rodovia, a jornalista traduziu em imagens a paixão desses caminhoneiros por essa profissão que emprega três milhões de brasileiros.

Confira o material desse fotodocumentário:

 

Previous ArticleNext Article