Cidade do Paraná cancela o Carnaval e decreta situação de emergência por dengue

Redação

carnaval cidade paraná

A Prefeitura de Porto Rico, no noroeste do Paraná, cancelou o Carnaval e decretou situação de emergência depois da cidade confirmar 75 casos de dengue. A Secretaria de Turismo informou que o cancelamento evita aglomeração de pessoas e acúmulo de lixo.

Todos os eventos em áreas públicas foram suspensos pelos próximos três meses, incluindo o tradicional ‘Carnaval Automotivo’. O evento reuniria automóveis com equipamentos de som potentes às margens do Rio Paraná, que atrai muitas pessoas todos os nos.

Com o decreto, a cidade de Porto Rico irá executar o Programa Municipal de Combate e Prevenção à Dengue. Algumas das ações previstas pela prefeitura são:

  • entrada de agentes de saúde e servidores municipais, nas casas fechadas ou abandonadas; não atenderem tal solicitação, notificando-se, no mesmo dia, ao titular da secretaria responsável pelo ato;
  • requisitar pessoal e equipamentos dos diversos órgãos da Prefeitura ou de proprietários/entidades privadas, na missão de combate sem tréguas aos focos de proliferação do mosquito, devendo, ainda, oferecer tratamento médico adequado à população;
  • a Secretaria Municipal de Saúde poderá, ainda, proceder à contratação temporária de pessoal, pelo prazo de 90 dias prorrogável por igual período de tempo, desde que devidamente justificada e com a finalidade de atender às atividades do programa, com a anuência jurídica e autorização do Prefeito Municipal;

DENGUE NO PARANÁ

De acordo com os dados da Sesa (Secretaria da Saúde do Paraná), o Paraná tem mais 20 mil casos confirmados. Desde agosto de 2019, a dengue já matou 13 pessoas no estado. Além disso, 62 municípios estão em situação de epidemia e há cerca de 65 mil notificações da doença no estado.

“Temos uma força-tarefa instalada em todo estado, já atuando em mutirões, remoção de criadouros e orientações para a população e precisamos da ajuda da população neste combate ao vetor da dengue”, disse o secretário da Saúde do Paraná, Beto Preto.

A dengue pode se apresentar na forma clássica ou na forma grave, que exige cuidados em leitos de observação ou até internação.

Os sintomas clássicos da doença são:

  • Febre alta com início súbito;
  • Dor de cabeça;
  • Dor atrás dos olhos, que piora com o movimento deles;
  • Perda de paladar e apetite;
  • Náuseas e vômitos;
  • Tonturas;
  • Extremo cansaço;
  • Manchas e erupções avermelhadas na pele semelhantes ao sarampo ou rubéola, principalmente no tórax e membros superiores;
  • Moleza e dor no corpo;
  • Dores nos ossos e articulações;

Entre os sinais de alerta, é bom ficar atento a:

  • Dores abdominais fortes e contínuas;
  • Vômitos persistentes;
  • Pele pálida, fria e úmida;
  • Sangramento pelo nariz, boca e gengivas;
  • Sonolência, agitação e confusão mental (principalmente em crianças);
  • Sede excessiva e boca seca;
  • Pulso rápido e fraco;
  • Dificuldade respiratória;
  • Perda de consciência;
Previous ArticleNext Article