Cem aves silvestres são apreendidas em mala de viagem em Guaíra

Narley Resende


Cem aves silvestres foram recuperadas neste final de semana pela Polícia Rodoviária Federal. Elas estavam sendo transportadas de forma irregular pelo passageiro de um ônibus que fazia a linha entre Guaíra, na região Oeste, e Londrina, Norte do Paraná.

O homem tem 65 anos e foi preso em flagrante. As aves da espécie cardeal estavam amontoadas em duas pequenas gaiolas fechadas, sem água, ventilação e alimento.

O ônibus seguia de Guaíra para Londrina e foi abordado por policiais rodoviários federais em uma unidade operacional na BR-272.

Aos policiais, o homem disse que pretendia levar os pássaros até o Ceará, onde seriam revendidos. A Lei de Crimes Ambientais prevê pena para quem transporta animais silvestres sem autorização. A pena neste caso é de seis meses a um ano.

O homem ainda pode responder por maus tratos, cuja detenção é de três meses a um ano. A ocorrência foi encaminhada à Delegacia da Polícia Federal em Guaíra.

Previous ArticleNext Article