95% das cidades do Paraná se cadastraram para receber recursos voltados aos órfãos da pandemia

Andressa Tavares - CBN Curitiba

95% das cidades do Paraná se cadastraram para receber recursos voltados aos órfãos da pandemia

380 dos 399 municípios do Paraná se cadastraram para receber recursos voltados às crianças e adolescentes que perderam os pais durante a pandemia de Covid-19.

R$ 8,5 milhões aprovados pelo Fundo para a Infância e Adolescência e deliberados pelo Conselho dos Direitos da Criança e do Adolescente serão destinados a esse público que perdeu pais ou responsáveis que contribuíam com a renda familiar.

O montante também é voltado para os pequenos que sofreram impactos psicológicos em razão de isolamento social. Os dados foram passados à CBN pela Secretaria da Justiça, Família e Trabalho do Paraná.

Segundo a Sejuf, a adesão ao programa terminou no dia 30 de setembro e o repasse, de acordo com o número de habitantes de cada cidade, será feito até o final de outubro. Os valores deverão ser administrados pelas Secretarias Municipais de Assistência Social – via Cras e Creas – Centro de Referência em Assistência Social e Centro de Referência Especializado em Assistência Social.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="796698" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]