Cinco casos de coronavírus são investigados no Paraná, aponta Ministério da Saúde

Redação

coronavírus - covid-19 - vírus

Cinco casos de coronavírus (COVID-19) estão sendo investigados no Paraná, de acordo com o Ministério da Saúde. Contudo, a suspeita de uma idosa de 66 anos, internada em Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, não foi contabilizada pelo Ministério, mas está na contagem da Sesa (Secretaria de Estado da Saúde).

Com a diferença nos boletins, a Sesa disse que irá discutir com o Ministério da Saúde os motivos para a exclusão do caso. Contudo, uma das possíveis causas da diferença é o horário de atualização.

Levando em conta os cinco casos suspeitos apontados pelo Ministério, quatro pessoas retornaram da Itália. Já a possível paciente de coronavírus passou pela Indonésia.

VEJA AS CIDADES DO PARANÁ QUE ESTÃO COM CASOS SUSPEITOS DE CORONAVÍRUS

  • Curitiba: 3 casos;

Homem, 30 anos, esteve na Itália e os exames foram coletados no dia 27/02; está em quarentena domiciliar.

Mulher, 25 anos, esteve na Itália e os exames foram coletados no dia 27/02; está em quarentena domiciliar.

Homem, 25 anos, esteve na Indonésia e os exames foram coletados no dia 27/02; está em quarentena domiciliar;

  • São José dos Pinhais: 1 caso;

Mulher, 27 anos, esteve na Itália e os exames foram coletados no dia 26/02; está internada.

  • Ponta Grossa: 1 caso;

Mulher, 29 anos, esteve na Itália e os exames foram coletados no dia 26/02; está em quarentena domiciliar.

  • Campo Largo: um caso;

Mulher, 66 anos, esteve na Itália nos últimos dias e se encaixa na definição de casos suspeitos. Exames coletados pelo Lacen no dia 26/02.

BRASIL TEM UM CASO CONFIRMADO DO VÍRUS COVID-19 EM SÃO PAULO

Vale lembrar que o primeiro caso confirmado no Brasil foi em São Paulo, na última terça-feira (25). Segundo o Ministério da Saúde, o paciente é um homem de 61 anos, morador de São Paulo, que esteve na Itália, na região da Lombardia, no norte do país, no período de 9 a 21 de fevereiro. O homem viajava sozinho, a trabalho.

O QUE É CORONAVÍRUS E QUAIS OS SINTOMAS

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus (COVID-19) foi descoberto no dia 31 de dezembro de 2019 após casos registrados na China.

Os principais sintomas são: febre, tosse e dificuldade para respirar. Ou seja, a doença é semelhante a um resfriado. Contudo, o vírus pode gerar doenças respiratórias mais graves como pneumonia, SARS (Síndrome Respiratória Aguda Grave) e MERS (Síndrome Respiratória do Oriente Médio).

PREVENÇÃO

O COE (Centro de Operações em Emergências) elencou medidas de prevenção ao coronavírus, similares para outras doenças como a Influenza. As principais medidas são:

  • evitar contato próximo com pessoas com infecções respiratórias agudas;
  • lavar frequentemente as mãos, especialmente após o contato direto com pessoas doentes e antes de se alimentar;
  • usar lenço descartável para higiene nasal;
  • cobrir nariz e boca ao espirrar e tossir;
  • não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres pratos, copos ou garrafas;

Previous ArticleNext Article