Receita Federal intercepta 358 kg de cocaína no Porto de Paranaguá

Na quarta apreensão feita em junho no Porto de Paranaguá, no litoral do Paraná, a Receita Federal encontrou 358 kg d coc..

Redação - 25 de junho de 2021, 16:15

Divulgação/RFB
Divulgação/RFB

Na quarta apreensão feita em junho no Porto de Paranaguá, no litoral do Paraná, a Receita Federal encontrou 358 kg d cocaína no Terminal de Contêineres.

Segundo a Alfândega, a droga estava escondida em nove bolsas de viagem e em meio a uma carga lícita de peças para veículos.

O método é conhecido como rip-on/rip-off, quando a droga é inserida no contêiner sem o conhecimento do exportador, geralmente abrindo a própria porta do compartimento.

De acordo com a Receita Federal, o contêiner contaminado com as bolsas de cocaína tinha como destino o Porto de Tânger, no Marrocos.

A cocaína foi localizada durante operação de rotina da Receita Federal no pátio do terminal. Na inspeção, os agentes notaram que um dos contêineres estava com a porta aberta, e no local foram encontrados os entorpecentes.

Essa é a 14ª apreensão de cocaína no Porto de Paranaguá desde o início do ano. Ao todo, foram interceptados 2.352 kg da droga. Somente em junho foram realizadas quatro apreensões.

Ninguém foi preso. A droga e as informações relacionadas à apreensão foram encaminhadas pela Receita Federal para a delegacia da Polícia Federal em Paranaguá, responsável por realizar as investigações.