Primavera começa com tempo nublado em Curitiba e previsão de chuva irregular

Redação

primavera, estação, previsão, simepar, curitiba, paraná, chuva, calor, estiagem, agricultura

O primeiro dia da primavera tem previsão de tempo nublado em Curitiba e no litoral, mas o sol deve aparecer nas demais regiões do Paraná. A nova estação começa às 10h31 desta terça-feira (22).

De acordo com o meteorologista Marco Jusevicius, coordenador de Operação do Simepar, a primavera de 2020 será marcada pelo La Ninã.

O fenômeno climático deve provocar o esfriamento das águas do Oceano Pacífico, o que altera os padrões climáticos previstos para a América Latina.

No início da primavera, os dias devem ter uma amplitude térmica maior. Ou seja, haverá diferenças significativas entre as temperaturas mínimas e máximas. Assim, podemos ter a ocorrência de manhãs frias e tardes quentes.

A tendência é que a amplitude térmica diminua à medida que nos aproximamos do verão, quando o calor prevalece em todos os períodos do dia.

VAI CHOVER NA PRIMAVERA?

Consumo de água apresentou redução de 14% em Curitiba e Região Metropolitana
Paraná passa pela pior estiagem da história, e primavera não deve trazer chuvas regulares (Divulgação/Sanepar)

Em meio à pior estiagem da história, a expectativa recai sobre a previsão de chuva para o Paraná durante a primavera. O Simepar deve publica nesta terça-feira (22) o informe completo da nova estação.

No entanto, de acordo com Marco Jusevicius, a expectativa não é das melhores. “As chuvas devem aumentar progressivamente, mas os volumes ficarão próximos ou abaixo do normal, com distribuição irregular”, afirma o meteorologista.

Além da crise hídrica, a estiagem também faz crescer a preocupação com os incêndios. Os focos de calor e as queimadas são monitorados no Paraná pelo Sistema VFogo, com atualizações em tempo real a cada 10 minutos.

“Na primavera e no contexto da estiagem, o baixo teor de umidade da vegetação favorece a combustão. Além disso, facilita a ignição e propagação de incêndios”, explica o coordenador de Inovação do Simepar, Flavio Deppe.

PREVISÃO PARA A AGRICULTURA

safra, safra de verão, safra 2020/21, safra de verão 2020/21, soja, milho, trigo, feijão, grãos, deral, departamento de economia rural, agricultura, primavera
Produção de grãos e cereais pode ser afetada pela estiagem (Jaelson Lucas/ANPr)

A ocorrência do La Niña é preocupante para a agricultura. Produtores de soja, milho e feijão podem sofrer os efeitos da estiagem.

“A previsão de uma primavera mais seca neste ano devido à influência de La Niña é preocupante para a agricultura”, diz a agrometeorologista do Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná, Heverly Morais.

A orientação para os produtores é se proteger. Uma das recomendações é a semeadura em talhões com ciclos diferentes.

Em relação ao equilíbrio nutricional, os especialistas indicam o uso sementes de boa qualidade. Além disso, recomendam que os produtores rurais respeitem a rotação de cultura e escolham culturas adaptadas à região.

QUANDO COMEÇA A PRIMAVERA?

  • A nova estação começa às 10h31 desta terça-feira (22).

Previous ArticleNext Article