Conta de água fica mais cara no Paraná a partir de terça (17)

Aumento vale para os municípios que têm o abastecimento fornecido pela Sanepar e foi publicado no mês passado pela Agepar.

Redação - 16 de maio de 2022, 13:51

(Foto: Divulgação/Sanepar)
(Foto: Divulgação/Sanepar)

A conta de água e esgoto ficará mais cara no Paraná. O reajuste nas tarifas passa a valer a partir da terça-feira (17). O aumento vale para os municípios que têm o abastecimento fornecido pela Sanepar e foi publicado no mês passado pela Agepar (Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Paraná).

O reajuste é de 4,963%. Confira os valores da tarifa única com o aumento:

  • Consumo de até cinco metros cúbicos (5 mil litros): R$ 45,25
  • Consumo de seis a 10 metros cúbicos (10 mil litros): acréscimo de R$ 1,40 por metro cúbico gasto

Segundo a Sanepar, o reajuste será aplicado nas contas de água e esgoto de maneira proporcional a partir do dia 17 de maio.

REAJUSTE NA CONTA DE ÁGUA NO PARANÁ FOI HOMOLOGADO EM ABRIL

O reajuste na conta de água no Paraná foi homologado na primeira quinzena do mês de abril deste ano. 

O pedido foi feito pela própria Sanepar (Companhia de Saneamento do Paraná), em um momento de análise feita pela 2ª Revisão Tarifária Periódica (RTP). A solicitação foi aceita pela Agepar (Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Paraná). 

No entanto, foi definida uma aplicação de percentual, considerando o desenvolvimento dos trabalhos de revisão tarifária, e postergando eventuais atualizações durante o período da 2ª RTP, previsto para abril de 2023.

A Sanepar é responsável pela prestação de serviços de saneamento básico a 345 cidades paranaenses e a Porto União, em Santa Catarina, além de 297 localidades de menor porte.

Na área de resíduos sólidos, a empresa opera aterros sanitários em Apucarana, Cornélio Procópio e Cianorte, atendendo no total, sete municípios.