Coronavírus: Arquidiocese de Curitiba suspende atividades e recomenda que fiéis fiquem em casa

Redação

coronavírus,arquidiocese,curitiba,medidas,prevenção,quarentena

A Arquidiocese de Curitiba adotou nesta terça-feira (17) medidas para conter o avanço do novo coronavírus na cidade e resguardar a saúde dos padres e fiéis. Missas, casamentos e batizados devem respeitar o limite de 50 pessoas.

As medidas foram tomadas após o decreto do Governo do Paraná, que suspendeu eventos públicos e aglomerações de pessoas, seguindo as recomendações do Ministério da Saúde e autoridades responsáveis.

ARQUIDIOCESE DE CURITIBA SUSPENDE CATEQUESE

A igreja recomenda que as pessoas idosas assistam às missas e participem do ritual eucarístico através do rádio, TV e internet.

Além disso, a Arquidioce de Curitiba comunicou que estarão suspensas por tempo indeterminado as atividades de catequese, bem como encontros de evangelização, atividades pastorais e sociais. Todas as restrições abrangem cerca de 600 igrejas de Curitiba e região.

Famílias que se reúnem nos períodos de Quaresma devem comungar através dos meios de comunicação, conforme o comunicado assinado pelo Arcebispo de Curitiba Dom José Antônio Peruzzo. “Mas não deixe de rezar. A humanidade precisa muito”, diz o texto.

Leia também: Greca decreta emergência em Curitiba por coronavírus e chora: triste ter que desligar a cidade

Até a Semana Santa, que começa em 5 de abril, devem ser publicadas novas orientações pela Arquidiocese.

Previous ArticleNext Article