Coronavírus: Prefeitura de Curitiba irá ampliar fiscalização em comércios

A Prefeitura de Curitiba irá ampliar as ações de fiscalização contra comércios que estejam desrespeitando as normas de f..

Jorge de Sousa - 28 de abril de 2020, 17:36

Geraldo Bubniak/AGB
Geraldo Bubniak/AGB

A Prefeitura de Curitiba irá ampliar as ações de fiscalização contra comércios que estejam desrespeitando as normas de funcionamento durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Durante live nas redes socais da Prefeitura de Curitiba nesta terça-feira (28), a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak, criticou os comércios que estejam tomando medidas que coloquem a população em risco.

"Quer vender, tudo bem. Mas é preciso que sigam as regras. Vamos seguir monitorando os comércios e assim que verificarmos que esse local não respeita as recomendações sobre a pandemia, a partir de agora seremos mais assertivos na punição", pontuou Huçulak.

A secretária ainda apontou que um trabalho conjunto entre as Secretaria de Urbanismo, de Defesa Social, além da Vigilância Sanitária irá aumentar a fiscalização para cassar alvarás e também fechar estabelecimentos que não seguirem as recomendações da Prefeitura de Curitiba.

Entre as principais medidas se destacam a obrigatoriedade do uso de máscaras para funcionários e clientes, disponibilidade de álcool em gel em local acessível, além da limitação do número de presentes dentro desses espaços.

Outra crítica feita por Huçulak foi para as pessoas que quebraram o isolamento social nos últimos dias. Neste final de semana, diversas fotos de churrascos e reuniões sociais em parques da cidade foram registradas.

"Não sei aonde essas pessoas estão com a cabeça. Sem se importar com seus pais, filhos e avós, podendo transmitir o vírus para essas pessoas. A Guarda Municipal está intensificando as ações para coibir essas ações", finalizou a secretária.

CURITIBA REGISTRA NOVOS 24 CASOS DE CORONAVÍRUS

O boletim divulgado nesta terça-feira apontou 24 novos casos confirmados de coronavírus, totalizando 559 ocorrências desde março.

Nenhum novo óbito foi registrado nas últimas 24 horas, mantendo o índice em 17 óbitos. Outras três mortes seguem investigadas, ainda sem resultado para a Covid-19.

A taxa de recuperação segue em crescimento e agora aponta 67,9% dos pacientes recuperados do coronavírus. Outros 1.211 exames feitos já tiveram a presença da Covid-19 descartada, enquanto outros 136 esperam resultado.