Coronavírus: Paraná bate recorde de mortes e registra mais de 300 novos casos pelo 3º dia

Vinicius Cordeiro

coronavírus paraná casos covid-19 mortes

Com 10 novas mortes por coronavírus, o Paraná bateu o recorde de óbitos registrados em 24 horas nesta quinta-feira (4). Além disso, pelo terceiro dia seguido, o Estado registra mais de 300 casos da Covid-19.

O boletim da Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) aponta 327 novas confirmações, totalizando 5.820 contaminados e 215 mortes. Com isso, a taxa de letalidade da doença é 3,7%.

Até então, nove mortes – incluídas no balanço de ontem – era o recorde do Estado.

1.971 casos ainda estão em investigação enquanto 2.267 pessoas são consideradas recuperadas.

Hoje o Paraná completa 81 dias da primeira morte registrada por Covid-19.

MAIS DE 300 PESSOAS COM COVID-19 ESTÃO INTERNADAS

317 pessoas diagnosticadas com coronavírus estão internadas em todo o Paraná nesta quinta-feira (4). Destes, 198 estão em enfermaria e 118 em UTIs (Unidades de Terapia Intensiva).

O boletim da Sesa ainda faz a divisão dos leitos públicos e privados. 232 contaminados estão em leitos SUS (85 em UTI e 147 em leitos enfermaria) e 84 em leitos da rede hospitalar privada (33 em UTI e 51 em leitos enfermaria).

COVID-19 NO PARANÁ

264 cidades do Paraná têm ao menos um caso confirmado de coronavírus, ou seja, a doença já está presente em 66% do Estado.

Além disso, a Sesa informa que 79 municípios tiveram óbitos pela Covid-19.

As 10 mortes registradas no boletim foram registradas entre a última segunda-feira (1) e ontem (3):

  • Uma mulher de 89 anos, que residia em Pinhais, foi a óbito no dia 1º de junho.
  • Duas mulheres, uma de 59 anos, que residia em Cascavel, outra de 65 anos que era moradora de Santa Tereza do Oeste e um homem de 59 anos que morava em Céu Azul, faleceram na terça-feira (2);
  • Seis pessoas morreram na quarta-feira (3). Três mulheres: moradora de Londrina, de 84 anos; residente de Piraquara, de 58 anos; e uma que morava em Assis Chateaubriand, de 79 anos. Já os três homens que faleceram ontem, registra-se um que morava em Guaporema, de 37 anos; um que residia em Piraquara, de 64 anos; e um de Arapongas, que tinha 54 anos.

Previous ArticleNext Article