Corpo de trabalhador que desapareceu após deslizamento, em Curitiba, é encontrado

Redação

Corpo de trabalhador que desapareceu após deslizamento, em Curitiba, é encontrado

Após dez horas de buscas na sede de uma empresa no bairro Vista Alegre, em Curitiba, o corpo do trabalhador Emílio Prates Oliveira foi encontrado na madrugada desta quinta-feira (4).

O trabalhador, de 61 anos, estava perto de uma caldeira e um caminhão quando o deslizamento de um barranco aconteceu. A terra e parte da construção da empresa caíram sobre ele, que foi localizado entre o veículo e uma caixa d’água.

Conforme informações do Corpo de Bombeiros, outro funcionário também estava no local no momento do desmoronamento, mas, por sorte, ele conseguiu escapar. “Um trabalhador conseguiu sair e o outro acabou ficando no local (…) iniciamos a operação às 18h e encontramos o corpo da vítima, em óbito, às 3h de hoje”, explicou o Capitão  Mikael Petros, para a CBN Curitiba.

Para o resgate do trabalhador soterrado, o Corpo de Bombeiros de Curitiba utilizou cães farejadores e uma retroescavadeira. O inspetor Nelson, da Defesa Civil, disse durante à noite que o terreno estava bastante instável, o que dificultou na procura pelo funcionário da empresa Trombini.

Ainda não se sabe o que causou o deslizamento, mas a suspeita é de que a chuva contribuiu para a tragédia. “Houve um colapso estrutural do barranco, decorrente da chuva constante, ela sede, desce e atinge essas instalações”, detalhou Péricles de Matos, Secretário de Defesa Social e Trânsito de Curitiba.

O barracão foi interditado até a reforma e a empresa Trombini também foi notificada para executarem uma parede de contenção porque ainda existe o risco de novos deslizamentos no local. O corpo do trabalhador foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal) de Curitiba.

O Paraná Portal entrou em contato com a empresa, mas até o fechamento da matéria não obteve retorno.

Corpo de trabalhador que desapareceu após deslizamento, em Curitiba, é encontrado (Reprodução/TV Band Curitiba)

*redação com informações da CBN Curitiba e TV Band Curitiba.

Previous ArticleNext Article