Covid-19: Curitiba quebra a marca de 4 mil casos ativos

Curitiba chegou ao 672º dia da pandemia da Covid-19 com a marca de 304.384 casos confirmados e 7.819 mortes em decorrênc..

Jorge de Sousa - 07 de janeiro de 2022, 19:08

UTI do Centro de Reabilitação do Paraná que tem atendimento exclusivo para pacientes com Covid-19.
Curitiba -  04/06/2020 - Foto: Geraldo Bubniak/AEN
UTI do Centro de Reabilitação do Paraná que tem atendimento exclusivo para pacientes com Covid-19. Curitiba - 04/06/2020 - Foto: Geraldo Bubniak/AEN

Curitiba chegou ao 672º dia da pandemia da Covid-19 com a marca de 304.384 casos confirmados e 7.819 mortes em decorrência da doença, segundo boletim divulgado nesta sexta-feira (7), pela Secretaria Municipal da Saúde.

Somente nas últimas 48 horas, foram confirmados novos 1.492 casos e nenhum óbito pela Covid-19.

Mas os casos ativos da Covid-19 em Curitiba têm crescido de forma preocupante nas últimas semanas. Em todo mês de dezembro a média ficou perto das mil ocorrências, enquanto nesta sexta-feira o número chegou a 4.343.

Essa é a primeira vez desde setembro de 2020 que os casos ativos da Covid-19 ultrapassaram a marca de quatro mil pessoas que ainda podem transmitir o vírus na capital paranaense.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI também apresentou alta e chegou a marca com 42% nesse índice. Atualmente, são disponibilizados 65 leitos para quadros graves da Covid-19 e 38 desses espaços não estão ocupados.

Com essa elevação nos índices da Covid-19, a Secretaria Municipal da Saúde aumentou 20 leitos de enfermaria no Instituto de Medicina do Paraná/HSC, que em toda capital paranaense contam com 119 espaços para tratamentos de casos leves da doença.

Desses 119 leitos, 41 estão livres atualmente, resultando em um índice de 66% de ocupação.

LEIA MAIS: Curitiba lidera aumento do preço da cesta básica entre as capitais