Covid-19: Curitiba quebra recorde e registra mais de 700 casos pelo terceiro dia seguido

Jorge de Sousa

curitiba covid mortes homicídios

Curitiba registrou nas últimas 24 horas, novos 749 casos e cinco óbitos pela Covid-19, segundo boletim divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde nesta sexta-feira (13).

Dessa forma Curitiba registrou pelo terceiro dia seguido mais de 700 casos confirmados, feito que ainda não havia sido contabilizado desde o início da pandemia em 11 de março.

Desde o início da pandemia, 58.633 pessoas foram contaminadas e 1.553 óbitos foram registrados em decorrência da doença na capital paranaense.

As últimas vítimas fatais são três homens e duas mulheres, com idades entre 48 e 85 anos. Dessas pessoas, todas apresentavam ao menos uma comorbidade para a Covid-19.

Já os casos ativos da Covid-19 seguem a subir, chegando ao patamar de 5.306 nesta sexta-feira. Todas essas pessoas são aquelas que ainda podem transmitir a doença.

Já o número de reprodução (Rt) fechou a semana em 1,25, demonstrando que uma pessoa contaminada pode passar o vírus para mais de uma pessoa.

TAXA DE OCUPAÇÃO DOS LEITOS DE UTI PARA COVID-19 SEGUE ESTÁVEL

Se os casos ativos estão em alta, os hospitais de Curitiba completaram mais uma semana com menos de 80% na ocupação dos leitos de UTI, chegando a marca de 76% espaços ocupados por pacientes com quadros graves da Covid-19.

Atualmente a Secretaria Municipal da Saúde disponibilizam 283 leitos de UTI exclusivos para a Covid-19, sendo que 67 estão desocupados nesta sexta-feira.

Como comparação, no dia 28 de julho os leitos de UTI estavam com 94% de ocupação, mas agosto trouxe uma queda nesse índice, acompanhando também a diminuição dos casos ativos da doença.

Desde o início da pandemia, não houve colapso no sistema público de saúde na cidade, com a taxa de ocupação batendo o teto de 97%.

LEIA MAIS: Por que Curitiba, com alta dos casos de covid-19, não deve voltar à bandeira laranja?

Previous ArticleNext Article