Covid-19: Curitiba quebra a marca de 5 mil mortes e 200 mil contaminações

Curitiba registrou nas últimas 24 horas, novos 688 casos e 23 óbitos pela Covid-19, segundo boletim divulgado pela Secre..

Jorge de Sousa - 14 de maio de 2021, 18:29

UTI COVID - Hospital Trabalhador em Curitiba - 01/09/2020 - Foto: Geraldo Bubniak/AEN
UTI COVID - Hospital Trabalhador em Curitiba - 01/09/2020 - Foto: Geraldo Bubniak/AEN

Curitiba registrou nas últimas 24 horas, novos 688 casos e 23 óbitos pela Covid-19, segundo boletim divulgado pela Secretaria Municipal da Saúde nesta sexta-feira (14).

Desde o início da pandemia, 200.483 pessoas foram contaminadas e 5.015 óbitos foram registrados em decorrência da doença na capital paranaense.

As últimas vítimas fatais são 15 homens e oito mulheres, com idades entre 31 e 92 anos, sendo que dez dessas vítimas tinham menos de 60 anos.

Já os casos ativos da Covid-19 seguem em alta e chegaram a marca de 7.727. Todas essas pessoas são aquelas que ainda podem transmitir a doença.

Os hospitais de Curitiba apresentaram leve baixa no índice de lotação dos leitos de UTI, com 93% dos espaços ocupados por pacientes com quadros graves da Covid-19.

Atualmente a Secretaria Municipal da Saúde disponibilizam 525 leitos de UTI exclusivos para a Covid-19, sendo que 36 estão desocupados nesta sexta-feira.

Após o mês de julho, Curitiba passou os meses de agosto, setembro e outubro com os leitos de UTI abaixo da casa dos 80% de ocupação. Mas em novembro o índice voltou a subir e se aproximar do limite até a metade de janeiro, com a situação se mantendo estável até o fim do mês e voltando a beirar o topo desde fevereiro, chegando a colapsar por quase 20 dias entre os meses de março e abril.

LEIA MAIS: Culto religioso quadruplica casos ativos e leva cinco à morte por covid no interior do PR