Covid-19: Curitiba anuncia novas medidas de isolamento; Cidade está na bandeira laranja

Ana Cláudia Freire

A situação  nos preocupa muito não vamos ficar assistindo dessa forma a situação crescer absurdamente e desordenadamente", afirmou a secretária Márcia Huçulak, durante o anúncio das nomas medidas de isolamento.
curitiba prefeitura live boletim covid-19 novas medidas decreto

A Prefeitura de Curitiba publicou em edição extra do Diário Oficial, na tarde deste sábado (13), o Decreto 774-2020, que prevê novas regras para atividades comerciais e o uso do aparelho público na cidade. A intenção é aumentar o isolamento social e conter o avanço do novo coronavírus (Covid-19).

As informações foram divulgadas em uma live da Prefeitura, em sua página do Facebook,  pela Secretária Municipal de Saúde Márcia Huçulak  e a médica infectologista da Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba,  Marion Burguer.

A secretária iniciou a live lamentando o comportamento dos curitibanos nos últimos dias, em especial, na última semana, onde os números da doença triplicaram na Capital.

“A semana toda anunciamos um crescimento do  quadro da doença. Muito nos preocupou toda movimentação da sociedade curitibana, muitos nos preocupou nos 92 dias de pandemia de Curitiba, o crescimento lento e gradual da doença. O objetivo  era manter a cidade isolada, o vírus não vai embora. Precisamos aprender a conviver com os vírus e a  adotar medidas de precaução. Várias situações de aglomeração, desrespeito ao distanciamento social, a falta do uso de máscara, a situação de agravou dos dia 28 pra cá”, afirmou a secretária.

O Decreto 774-2020 entrou em vigor hoje, mas passa a valer à zero hora de segunda-feira (15).

BANDEIRA LARANJA

A secretária explicou ainda que por conta da gravidade do avanço da doença a cidade de Curitiba entrou hoje na chamada “bandeira laranja“, onde há risco médio de transmissão da doença.

“Fechamos o painel de bandeiras a nossa bandeira hoje, com muita dor passou para laranja. Significa risco médio de transmissão da doença. A situação  nos preocupa muito não vamos ficar assistindo dessa forma a situação crescer absurdamente e desordenadamente”, desabafou Márcia Huçulak.

CONFIRA A TABELA: 

VEJA O QUE DIZ O DECRETO E O QUE FECHA NOVAMENTE NA CIDADE

FICAM SUSPENSAS AS SEGUINTES ATIVIDADES E SERVIÇOS POR TEMPO INDETERMINADO:

  • Academias e todas as práticas esportivas
  • Igrejas e templos religiosos
  • Praças e Parques Públicos
  • Todas as atividades de entretenimento com ou  sem música, teatros festas em gral e atividades correlatas
  • Bares e atividade correlatas
  • Clubes Sociais Esportivos

VEJA O QUE VAI FUNCIONAR, MAS COM RESTRIÇÕES DE HORÁRIO

  • Comércio varejista de rua poderá abrir das 10h às 16h de segunda a sexta
  • Shopping Center poderá funcionar das 12h às 20h de segunda a sexta e será fechado no final de semana. As praças de alimentação devem funcionar das 12h às 15h
  • Galerias e centros comerciais poderão funcionar das 10h às 16h. Praças de alimentação das 11h às 15h  e depois desse horário somente na modalidade de delivery
  • Restaurante e lanchonetes poderão  funcionar das 11h às 15h – Após este horário somente na modalidade drive-thru e e delivery
  • Empresas de tecnologia e coworking – poderão funcionar por 6 horas
  • Lojas de material de construção poderão funcionar das  10h 16h, de segunda a sexta. Nos finais de  semana e feriados abrirão das 9h às 13h
  • Hotéis e pousados poderão atender somente até 50% da sua capaidade
  • Serviços de Call Center e Telemarketing também operam com  50%, exceto os de serviço de saúde
  • Drive In só poderão abrir por 3h ou uma sessão de exibição por dia

Segundo a secretária, a situação poderia ter sido evitada se a população de Curitiba tivesse colaborado com o isolamento social. Na próxima segunda (15), mas informações sobre as medidas serão passadas.

“Poderia ter sido evitado, infelizmente tivemos que atuar em benefício do cidadão de Curitiba. Por favor, fique em casa”, pediu a secretária.

NOVOS CASOS DA DOENÇA EM CURITIBA

Além das novas medidas de contenção da doença anunciadas na live, a médica infectologista da Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba,  Marion Burguer, anunciou os novos números do boletim de evolução da doença na Capital.

Nas últimas 24 horas foram registrados 59 novos casos do novo coronavírus (Covid-19), na cidade. Mais 4 mortes foram anunciadas, totalizando 78 mortes pela doença nos últimos três meses.

Ao todo, Curitiba tem hoje 1.777 casos confirmados, destes 1.263 pacientes recuperados. Há 167 pessoas internadas e 71 em UTIs.

As quatro vítimas fatais da doença apresentavam doenças crônicas e quadros de comorbidades. Eram homens e mulheres com menos de 50 anos. Dois faleceram neste sábado e outros dois nos últimos três dias.

Previous ArticleNext Article
Avatar
Jornalista - Chefe de Redação do Paraná Portal