Covid-19 esvazia aeroportos do Paraná e movimento despenca 50% neste fim de ano

O movimento nos aeroportos do Paraná deverá ser pelo menos 50% menor durante o período de festas de fim de ano, segundo ..

Rafael Nascimento - 19 de dezembro de 2020, 08:54

Foto: Divulgação/Infraero
Foto: Divulgação/Infraero

O movimento nos aeroportos do Paraná deverá ser pelo menos 50% menor durante o período de festas de fim de ano, segundo levantamento da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

A estatal aeroportuária administra 32 aeroportos no país que recebem voos regulares, três deles no Paraná: o Aeroporto Internacional de Curitiba/Afonso Pena, em São José dos Pinhais, o Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu/Cataratas, na região da Tríplice Fronteira, e o Aeroporto de Londrina (Governador José Richa), no Norte pioneiro.

Em Curitiba, a estimativa é que 150.740 utilizem os terminais do Afonso Pena entre os dias 18 de dezembro e 4 de janeiro de 2021 - movimento 50% menor no comparativo com o mesmo período do ano passado, quando 300.149 embarques e desembarques foram registrados.

O movimento em Foz do Iguaçu será ainda menor, estimado em - 59% - maior projeção de queda no país na Rede Infraero. Conforme o levantamento, 54.678 passageiros devem passar pelo aeroporto Foz/Cataratas, ante à 133.969 que estiveram em Foz via aérea durante as festas de fim de ano de 2019.

Já o aeroporto de Londrina, que movimentou 42.956 pessoas entre 20 de dezembro de 2019 e 6 de janeiro deverá registrar queda de 52% nos passageiros (20.462).

Ao todo, os 32 aeroportos da Rede Infraero com voos comerciais regulares devem receber 1,91 milhão de passageiros no período da alta temporada, entre os dias 18 de dezembro e 4 de janeiro de 2021. 

Essa projeção é 41% menor em relação ao que foi registrado na temporada passada, quando 3,27 milhões de pessoas embarcaram e desembarcaram entre os dias 20 de dezembro de 2019 e 6 de janeiro deste ano.

O maior movimento deve ocorrer entre os dias 21 e 23 de dezembro e 4 de janeiro.

A previsão é de 16,4 mil pousos e decolagens nesta alta temporada, número 40% inferior ao realizado no período de festas entre 2019 e 2020.

Confira recomendações de segurança nos aeroportos e aeronaves no site da Infraero.