Covid-19 esvazia aeroportos do Paraná e movimento despenca 50% neste fim de ano

Rafael Nascimento


O movimento nos aeroportos do Paraná deverá ser pelo menos 50% menor durante o período de festas de fim de ano, segundo levantamento da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

A estatal aeroportuária administra 32 aeroportos no país que recebem voos regulares, três deles no Paraná: o Aeroporto Internacional de Curitiba/Afonso Pena, em São José dos Pinhais, o Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu/Cataratas, na região da Tríplice Fronteira, e o Aeroporto de Londrina (Governador José Richa), no Norte pioneiro.

Em Curitiba, a estimativa é que 150.740 utilizem os terminais do Afonso Pena entre os dias 18 de dezembro e 4 de janeiro de 2021 – movimento 50% menor no comparativo com o mesmo período do ano passado, quando 300.149 embarques e desembarques foram registrados.

O movimento em Foz do Iguaçu será ainda menor, estimado em – 59%maior projeção de queda no país na Rede Infraero. Conforme o levantamento, 54.678 passageiros devem passar pelo aeroporto Foz/Cataratas, ante à 133.969 que estiveram em Foz via aérea durante as festas de fim de ano de 2019.

Já o aeroporto de Londrina, que movimentou 42.956 pessoas entre 20 de dezembro de 2019 e 6 de janeiro deverá registrar queda de 52% nos passageiros (20.462).

Estimativa de movimentação nos principais aeroportos administrados pela Infraero. Foto: Divulgação/Infraero

Ao todo, os 32 aeroportos da Rede Infraero com voos comerciais regulares devem receber 1,91 milhão de passageiros no período da alta temporada, entre os dias 18 de dezembro e 4 de janeiro de 2021. 

Essa projeção é 41% menor em relação ao que foi registrado na temporada passada, quando 3,27 milhões de pessoas embarcaram e desembarcaram entre os dias 20 de dezembro de 2019 e 6 de janeiro deste ano.

O maior movimento deve ocorrer entre os dias 21 e 23 de dezembro e 4 de janeiro.

A previsão é de 16,4 mil pousos e decolagens nesta alta temporada, número 40% inferior ao realizado no período de festas entre 2019 e 2020.

Confira recomendações de segurança nos aeroportos e aeronaves no site da Infraero.

Previous ArticleNext Article