Covid-19: Hospital Evangélico atinge 100% de ocupação em leitos de UTI exclusivos

Angelo Sfair

hospital evangélico mackenzie, taxa de ocupação, leitos de uti, uti, unidade de terapia intensiva, curitiba, paraná, sesa, covid-19, coronavírus, pandemia

O Hospital Evangélico, em Curitiba, não tem mais vagas de UTI para pacientes com Covid-19. A instituição atingiu neste final de semana 100% de ocupação dos leitos exclusivos para pessoas com coronavírus.

Nesta unidade, foram reservadas 23 vagas de alta complexidade para adultos. Até sexta-feira (19), havia quatro leitos disponíveis. No entanto, todas foram ocupadas no final de semana.

De acordo com a Sesa (Secretaria de Estado da Saúde), a taxa de ocupação também chegou a 100% entre os leitos de UTI pediátrico. Todas as seis vagas neste setor do Hospital Evangélico estão ocupadas por crianças com Covid-19.

Em todo o Paraná, até o levantamento atualizado neste domingo (21), cinco hospitais do Estado não tinham mais vagas exclusivas de UTI para atender pacientes com coronavírus.

Além do Hospital Evangélico, em Curitiba, também têm 100% de lotação: Hospital Municipal de São José dos Pinhais (10 vagas); Hospital São Lucas, de Pato Branco (2 vagas); Hospital Regional do Sudoeste, em Francisco Beltrão (10 vagas); Santa Casa de Jacarezinho (1 vaga).

Em geral, o Paraná tem 58% de ocupação nas UTIs Adulto exclusivas para Covid-19. O resultado é puxado pelos baixos índices das macrorregiões norte (39%) e noroeste (37%).

A região oeste tem ocupação de 76%. Na região leste, que compreende Curitiba, região metropolitana e litoral, a taxa de ocupação é de 68%.

Desconsiderando os leitos exclusivos para Covid-19, a taxa de ocupação dos leitos de UTI no Paraná é de 70%.

Previous ArticleNext Article