Com Curitiba na lista, consórcio deve ser oficializado para a compra de vacinas

Redação

curitiba compra de vacinas covid

11 cidades brasileiras vão oficializar um consórcio nesta segunda-feira (1) para a compra de vacinas contra a Covid-19. Os municípios, incluindo Curitiba, teve reuniões ao longo do final de semana e pretende lançar o projeto ainda hoje. A ideia é que mais cidades se juntem ao grupo.

Vale lembrar que o STF (Supremo Tribunal Federal) autorizou, na semana passada, que estados e municípios comprem imunizantes. Os ministros da Corte também liberaram a importação de vacinas que ainda não têm registro na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), mas que tenham uso aprovado por outras “entidades sanitárias de renome”.

De acordo com Jonas Donizette, ex-prefeito de Campinas e presidente da FNP (Frente Nacional de Prefeitos), participam da coordenação do grupo as seguintes cidades/prefeitos: Aracaju/SE (Edvaldo Nogueira); Campinas/SP; Cuiabá/MT(Emanuel Pinheiro), Salvador (Bruno Reis); Manaus/AM (David Almeida); Ribeirão Preto/SP (Duarte Nogueira); Petrolina/PE (Miguel Coelho); Porto Alegre/RS (Sebastião Melo).

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca, foi representado pelo secretário de Finanças e Orçamento, Vitor Puppi, na reunião feita no último sábado.

A expectativa é a definição de um grupo de trabalho, com representantes de cidades que já estão em tratativas para a compra de vacinas. Essa ação correria em paralelo a constituição do consórcio. Além de vacinas, o consórcio também vai ser desenhado para a compra de equipamentos, medicamentos e insumos.

“A gente acredita que essa medida está envolta em uma credibilidade muito grande e facilite negociações que estão dificultadas devido aos movimentos diplomáticos não tão assertivos do governo federal”, comentou o secretário-executivo da FNP, Gilberto Perre.

Já o prefeito de Aracaju deixou claro que a tentativa não é competir com o governo federal e nem com os estados. “O objetivo é agregar esforços”, declarou.

Vale ressaltar que Curitiba dispõe de R$ 500 milhões em um fundo de emergências. Segundo o prefeito Rafael Greca, esse valor pode ser usado na compra das vacinas.

VACINAÇÃO EM CURITIBA

Curitiba, assim como as diversas cidades, teve que paralisar a vacinação pela falta de vacinas contra a covid-19. Com a chegada de doses na semana passada, a campanha foi retomada na sexta-feira e continua nesta semana com idosos de 85 anos ou mais. A expectativa é que os lotes permitam vacinas pessoas de até 82 anos.

“Caso Curitiba não receba novas doses, quando fecharmos esses grupos faremos um balanço das doses disponíveis para ver se há possibilidade de novas faixas etárias”, disse a secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak.

A vacinação na cidade é feita de acordo com o cadastro no Aplicativo Saúde Já. Até a quinta-feira (25/02), 22.752 pessoas tinham recebido a segunda dose do imunizante contra a covid.

Curitiba recebeu do Ministério da Saúde 94.420 doses de vacinas para serem usadas na primeira aplicação no público prioritário elencado pelo Plano Municipal de Imunização, sendo 43.680 do imunizante produzido pela Universidade de Oxford e pelo Laboratório AstraZeneca. As demais são doses da CoronaVac, produzidas pelo Instituto Butantan. O município também recebeu 32.610 vacinas CoronaVac para aplicar a segunda dose dos moradores e trabalhadores das instituições de longa permanência, indígenas e profissionais da saúde já imunizados com a primeira dose.

CRONOGRAMA E LOCAIS DA VACINAÇÃO EM CURITIBA

  • 85 anos ou mais: segunda-feira, 1º de março
  • 84 anos ou mais: terça-feira, 2 de março
  • 83 anos ou mais: quarta-feira, 3 de março
  • 82 anos ou mais: quinta-feira, 4 de março

A prefeitura usa 13 pontos espalhados pela cidade, sendo dois deles para vacinação drive-thru. Veja quais são:

  1. Pavilhão da Cura – Parque Barigui.
  2. Unidade de Saúde Salvador Allende – Rua Celeste Tortato Gabardo, número 1.712, bairro Sítio Cercado.
  3. US Vila Diana – Rua René Descartes, 724 – Abranches.
  4. US Jardim Paranaense -Rua Pedro Nabosne, 57 – Alto Boqueirão.
  5. US Camargo – Rua Pedro Violani, 364 – Cajuru.
  6. US Ouvidor Pardinho – Rua 24 de Maio, 807 – Praça Ouvidor Pardinho.
  7. US Vila Feliz – Rua Pedro Gusso, 866 – Novo Mundo.
  8. US Pinheiros – Rua Joanna Emma Dalpozzo Zardo, 370 – Santa Felicidade.
  9. Clube da Gente CIC – R. Hilda Cadilhe de Oliveira.
  10. Rua da Cidadania do Tatuquara – R. Olivardo Konoroski Bueno, s/n
  11. Rua da Cidadania do Fazendinha – Rua Carlos Klemtz, 1700.

Drive-thru:

  1. Pavilhão da Cura – Parque Barigui (entrada somente pela BR-277).
  2. Estacionamento do Santuário Nossa Senhora do Carmo – Boqueirão (entrada será feita exclusivamente pelo segundo portão do estacionamento, pela Rua Frederico Mauer).
Conforme o último boletim, Curitiba acumula 141.089 casos e 2.923 mortes por Covid-19.
Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="748262" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]