TJ-PR distribui senhas para o julgamento de Carli Filho nesta sexta-feira (23)

Mariana Ohde


A Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) vai distribuir, nesta sexta-feira (23), a partir das 13h30, as 200 senhas para os interessados em acompanhar o júri popular do ex-deputado estadual Luiz Fernando Ribas Carli Filho, acusado de matar dois jovens em um acidente de carro em 2009, na capital.

O julgamento está marcado para os dias 27 e 28 de fevereiro – porém, ainda é possível que seja suspenso, pois há um recurso da defesa do ex-deputado no Supremo Tribunal Federal (STF). A decisão pode sair a qualquer momento.

Distribuição das senhas

A distribuição das senhas vai ser feita na 2ª Vara do Tribunal do Júri de Curitiba, que fica na Praça Nossa Senhora de Salete.

A sessão do julgamento é pública e todos podem acompanhar, porém, o TJ-PR optou por distribuir as senhas porque o número de lugares na sala de sessões é limitado. A sala comporta, no máximo, 370 pessoas. As senhas serão distribuídas conforme a ordem de chegada dos interessados.

Também será necessário seguir algumas regras durante o julgamento: não será permitido o uso de materiais que possam influenciar na decisão dos jurados, entre eles, camisas, faixas, adesivos ou adereços com mensagens ou imagens relacionadas ao caso. Também não é permitido filmar ou fotografar durante o julgamento – a captação de imagens só será liberada antes do início do julgamento e nos períodos de recesso.

Caso Carli Filho

O ex-deputado é acusado da causar o acidente que matou Gilmar Yared e Murilo de Almeida, que, na época, tinham 26 e 20 anos. Carli Filho dirigia alcoolizado e a mais de 160 km/h em uma via onde a velocidade máxima é de 60 km/h. Ele responde por duplo homicídio com dolo eventual, quando se assume o risco de matar.

Previous ArticleNext Article
Repórter no Paraná Portal
[post_explorer post_id="485191" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]