Curitiba espera 8 mil pessoas para evento sobre cidades inteligentes

Mariana Ohde


Com prefeitura de Curitiba

Curitiba será, em fevereiro, a primeira cidade brasileira a sediar o Smart City Expo World Congress. Segundo a prefeitura, são esperadas cerca de 8 mil pessoas para o evento, considerado o maior encontro voltado para cidades inteligentes do mundo.

O número de visitantes, congressistas e expositores ainda pode crescer na medida em que os painéis de apresentações e os grupos temáticos forem totalmente definidos para o evento, que será realizado entre os dias 28 de fevereiro a 1º de março de 2018, na Expo Renault Barigui.

São esperados representantes do setor privado, órgãos de administração pública, instituições acadêmicas e centros de pesquisa, incubadoras e corporações, além de empresários e investidores do Brasil e de diversos outros países.

O congresso é organizado desde 2011 pelo Fira Barcelona Internacional, um consórcio público espanhol formado pela Câmara de Comércio de Barcelona e pelo Governo da Catalunha, que elegeu a capital paranaense como cidade inteligente e é responsável também pela Smart City Expo.

O diretor da Fira Ricardo Zapatero elogiou as iniciativas curitibanas em prol da inovação. “Curitiba é uma das cidades que mais demonstraram interesse e projetos para que a vida de seus cidadãos melhore através da tecnologia”, disse ele.

Perfil

A Smart City Expo em Curitiba será dividida em quatro temas: tecnologia disruptiva, governança, inovação digital e cidades sustentáveis do futuro, num modelo já chancelado pela Fira Barcelona.

Haverá área de exposição e congresso, em que palestrantes nacionais e internacionais apresentam casos de cidades que aplicaram os conceitos de cidades inteligentes. Por definição, uma cidade inteligente trabalha para a melhoria da qualidade de vida dos moradores utilizando tecnologias e inovação adaptadas ao seu contexto específico.

O gerente de projetos da Fira Barcelona, Víctor Moreno Navarro, responsável pela edição curitibana do evento, afirma que Curitiba possui uma longa trajetória com projetos “smart”, além de planejamento urbano, mobilidade e criação de espaços verdes.

“Sua profunda vontade de continuar crescendo e implementando iniciativas para melhorar a qualidade de vida de seus cidadãos é o exemplo perfeito que reflete os valores do Smart City Expo World Congress”, afirmou.

A edição mais recente do encontro reuniu 18.754 pessoas neste mês de novembro em Barcelona, provenientes de mais de 120 países diferentes. O evento teve como um dos destaques o Vale do Pinhão, idealizado pelo prefeito Rafael Greca (veja mais).

“O Vale do Pinhão tem chamado muito a atenção como opção para regeneração urbana por meio de incentivo a inovação em áreas degradadas”, diz Frederico Lacerda, presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação. “Estamos participando de vários encontros e trocando experiências com prefeitos de todo o mundo”.

 

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal