Carnaval de Curitiba tem atrações para vivos e mortos

Mariana Ohde

Por Metro Curitiba

O Carnaval em Curitiba não tem a mesma pompa de outras grande capitais, com centenas de blocos e desfiles de samba suntuosos, mas as festas também acontecem e até se diversificaram ao longo dos últimos anos.

Classificada até como refúgio anticarnaval padrão, eventos como a Zombie Walk ganharam terreno e viraram parte do calendário do feriado. Contudo, o Carnaval tradicional segue mais vivo do que nunca.

Depois de um 2017 com corte de 50% nos recursos, a prefeitura disponibilizou por meio da Fundação Cultural de Curitiba (FCC) pouco mais de R$ 1 milhão neste ano para despesas de infraestrutura e apoio, sendo cerca de R$ 600 mil para escolas e blocos.


Desta maneira, até a competição retornou, já que no ano passado não houve disputa pelo título.

Ao todo vão desfilar na Av. Marechal Deodoro amanhã sete blocos carnavalescos e nove escolas de samba, sendo cinco do Grupo Especial e quatro do Grupo de Acesso.Carnaval 2

Antes dos adultos entrarem em cena, a partir das 15h30 até perto das 4h da madrugada de domingo, um baile infantil vai abrir os festejos das 14h às 15h30.

A proclamação da escola campeã será feita no domingo a partir das 15h, no Memorial de Curitiba, onde acontece a apuração das notas.

A última vencedora do Carnaval de Curitiba foi a Mocidade Azul, em 2016.

Confira a ordem e os horários dos desfiles:

• Blocos carnavalescos

15h30: Afoxé Áiyé Layó;]
16h: Sambistas do amanhã;
16h30: Derrepent;
17h: Boêmios da Madame;
17h30: Unidos de Judá; 18: Fogosa;
18h30: Rancho das Flores

• Escolas de samba – Grupo de Acesso

19h10: Enamorados do Samba;
20h: Unidos de Pinhais;
20h50: Império Real do Colombo;
21h40: Os internautas

• Escolas de samba – Grupo Especial

22h30: Imperatriz da Liberdade;
23h35: Embaixadores da Alegria;
0h40: Leões da Mocidade;
01h45: Acadêmicos da Realeza;
02h50: Mocidade Azul

Bloqueio

A estrutura para receber três mil pessoas está sendo montada desde segunda na Marechal, entre Barão do Rio Branco e a Marechal Floriano.

A partir do meio-dia de amanhã até as 7h de domingo, o trecho entre a Mariano Torres a Dr. Muricy ficará totalmente bloqueado e 22 linhas de ônibus terão seus itinerários desviados pela Urbs.

Carnaval dos mortos

Foto: Pedro Ribas
Foto: Pedro Ribas

A Zombie Walk chega a sua 9ª edição neste domingo de Carnaval com novidades. Pela primeira vez, o evento contará com uma praça de alimentação ao fim do percurso e mais shows: serão cinco bandas curitibanas. “Neste ano, além do punk teremos duas bandas de metal”, conta Flávia Nogueira, uma da organizadoras.

A concentração começa às 12h na Praça Osório, mas desde às 10h já será possível fazer maquiagens no local, para quem não sabe ou não deseja fazer em casa. Cada uma custará R$ 25.

A marcha dos mortos-vivos sairá às 13h30 da Boca Maldita e seguirá pela Rua XV até o Paço da Liberdade, onde haverá uma parada de 30 minutos para uma apresentação de dança perto das 14h.

Depois a caminhada seguirá pela Riachuelo e Cândido de Abreu até a Praça Nossa Senhora da Salete, palco dos shows das 15h30 até as 20h. Segundo Flávia, a expectativa é reunir mais de 20 mil pessoas. “É uma alternativa que atrai gente de fora, de Belém, BH”, diz.

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook