Aplicativo Pardal permite denúncias de crimes eleitorais no Paraná

Lorena Pelanda


O cidadão que encontrar irregularidades eleitorais no Paraná pode fazer uma denúncia no aplicativo Pardal. A ferramenta permite que o eleitor contribuía com a Justiça Eleitoral, com informações de crimes relacionados à propaganda irregular, uso da máquina pública e compra de votos.

Antes de fazer a denúncia, a pessoa precisa colocar os dados pessoais. O aplicativo também possibilita o envio de fotos e vídeos com as irregularidades. Mesmo se identificando, o Tribunal Regional Eleitoral garante que o nome do cidadão, em nenhum momento, será divulgado.

Todas as denúncias, depois de cadastradas no aplicativo, são encaminhadas à Procuradoria Regional Eleitoral, a quem compete fiscalizar o cumprimento da legislação, investigar a veracidade das informações enviadas pelos eleitores e propor as respectivas ações judiciais. Segundo o responsável pela comunicação do TRE, Márcio Jardim, todo o processo é investigado. “A denúncia é analisada, se é válida ou não. No aplicativo, o eleitor pode enviar o que constatou. Após o Ministério Público avaliar, automaticamente é aberto um processo e depois ele vai para julgamento”, explica.

O mesmo aplicativo já foi usado nas eleições de 2016 e teve seis mil denúncias.

O aplicativo é gratuito em smartphones e tablets e a nova versão pode ser baixada nas lojas virtuais Apple Store e Google Play.

As denúncias ainda podem ser feitas no site do Ministério Público Eleitoral ou pelo disque denúncia, pelo telefone 181.

 

Previous ArticleNext Article
Coordenadora de jornalismo da rádio BandNews FM Curitiba
[post_explorer post_id="551148" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]