Balada protegida faz primeiras prisões

Roger Pereira


Na volta às ruas da operação Balada Protegida, ação integrada de Segurança Pública comandada pela Secretaria Municipal de Defesa Social e Trânsito nas ruas com atividades noturnas de Curitiba, três pessoas foram presas, nesta sexta-feira. A abordagem ocorreu na Alameda D. Pedro II, em flagrante por roubo a mão armada.

Quem divulgou o resultado da operação, que, na sexta-feira, abrangeu, além da D. Pedro II, as ruas Itupava, Bispo Dom José e Vicente Machado, foi o próprio prefeito Rafael Greca (PMN), em sua página no Facebook.

As ações, que começaram em 12 de janeiro, na rua Vicente Machado, consistem em abordagens de fiscalização de bares, restaurantes e casas noturnas, orientação e ações educativas para os frequentadores, além de ações de combate ao tráfico de drogas, contra perturbação ao sossego e o comércio de produtos falsificados ou contrabandeados.

“Balada Protegida. Ontem nos bares e bistrôs das ruas Itupava, Bispo Dom José e Vicente Machado /Dom Pedro II. Nesta última VTR GOE pegou 03 elementos realizando roubo a mão armada. Estavam na Alamêda D. Pedro II, em frente ao número 103.
Os elementos portavam simulacro e 2 facas. Foram presos. A moçada pôde terminar a noite sem susto”, escreveu Greca em sua página.

Previous ArticleNext Article
Repórter do Paraná Portal
[post_explorer post_id="411257" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]