Bares e restaurantes de Curitiba terão “botão do pânico”

Mariana Ohde


A Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Paraná (Abrasel), através do projeto “Ambiente Mais Seguro”, está tentando dificultar a ação de assaltantes em bares e restaurantes da capital paranaense. O projeto prevê, além da realização de um treinamento para funcionários sobre como agir em casos de violência, a instalação do chamado “botão do pânico”.

Em parceria com uma empresa privada de segurança, a Abrasel vai oferecer o treinamento para os funcionários de forma gratuita. Os locais terão também consultoria sobre os sistemas de monitoramento mais indicados e o botão, para ser utilizado em caso de emergência.

A presidente da associação, Jilcy Rink, explica que a projeto tem o objetivo de trazer mais segurança e tranquilidade para os trabalhadores e frequentadores. “É uma medida preventiva, para diminuir a intenção do meliante de praticar o crime. Se nós temos famílias nas ruas, ruas iluminadas, seguras, protegidas por câmeras, parcerias com a iniciativa privada, com a Polícia Civil, com a Polícia Militar, com a Guarda Municipal, nós teremos mais condições de proporcionar ao nosso cidadão um ambiente mais tranquilo”, explica.

Curitiba e a Região Metropolitana possuem cerca de 10 mil bares e restaurantes, segundo a Abrasel. Por enquanto, 200 estabelecimentos devem ser incluídos no projeto. “Nós vamos atender os restaurantes primeiro e a polícia também está se preparando. Assim que tudo estiver organizado, faremos uma grande parceria e começaremos a atuar”, afirma, estimando em 70 dias o prazo para o início das atividades.

Assaltos

Nos últimos meses, Curitiba registrou vários casos de assaltos a restaurantes – alguns deles em locais bastante movimentados e em horários de movimento intenso. Houve arrastão em estabelecimentos nos bairros Batel, Juvevê e Cabral. No Cabral, o restaurante Madero foi invadido, um garçom e um segurança foram baleados e uma funcionária foi levada do local pelos assaltantes. Em todos os casos, os criminosos estavam armados e conseguiram levar dinheiro, celulares e carros, entre outros itens.

Assalto a restaurante termina com troca de tiros em Curitiba
Gerente é esfaqueada em assalto a restaurante fast-food em Curitiba
Empresários de restaurantes cobram ações para melhorar segurança

(Com informações da CBN Curitiba)

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal