Manifestantes protestam contra governo Temer em Curitiba

Andreza Rossini


Cerca de mil pessoas estão reunidas em frente a sede do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), no bairro Juvevê, em Curitiba, na noite deste domingo (15), em protesto contra o governo do presidente interino Michel Temer.

Uma passeata organizada pelo coletivo Minc Resiste levou os manifestantes até o local. O grupo se posiciona contra a extinção do Ministério da Cultura que voltou a ser anexo ao Ministério da Educação no governo de Temer. O Iphan estava ocupado por dez pessoas desde a manhã de sexta-feira (13), quando Temer assumiu o cargo e anunciou o corte nos ministérios.


Curitiba registrou, neste domingo (15), outros dois protestos contra o governo de Temer.

Josiane Ritz
Josiane Ritz

De acordo com a Polícia Militar, cerca de 500 pessoas participaram da manifestação na Praça Santos Andrade. Os integrantes do movimento seguravam cartazes chamando Temer de golpista. O segundo protesto ocorreu na Boca Maldita e reuniu cerca de 100 pessoas, ainda de acordo com a PM.

As manifestações duraram cerca de duas horas e não foram registradas ocorrências.

No evento do Facebook, os organizadores apontam a nomeação de ministros investigados na Operação Lava Jato, a ausência de mulheres e negros entre os nomeados, a extinção dos ministérios da cultura, da mulher e da igualdade racial.

 

Previous ArticleNext Article