Curitiba vai sediar seminário sobre prostituição e prevenção do HIV

Andreza Rossini


O XIV Seminário sobre Prostituição, Direitos Humanos e Prevenção às IST (Infecções Sexualmente Transmissíveis)/AIDS e Hepatites Virais acontece em Curitiba, entre os dias 10 e 12 de dezembro.

O evento é uma proposta do Grupo Liberdade com o objetivo de conectar as instituições: movimentos e ONGs de mulheres prostitutas, pessoas travestis e transexuais e de garotos de programa da Região Sul do Brasil. “No próximo ano, espero que não só as comunidades das prostitutas, das transsexuais e daquelas pessoas que dizem que estão sempre a mercê do vírus da HIV participem. Isso é uma ignorância da população, toda a sociedade está propícia a ficar infectada se tiver uma vida sexual ativa. Acredito eu que, em 2018, a gente consiga conscientizar mais a população em geral para fazer os testes, uma prevenção combinada com melhorias no sistema e tecnológicas”, afirmou Camem Costa, presidente da ONG das prostitutas.

As inscrições podem ser feitas através deste link.

O objetivo principal é a reflexão acerca dos debates sobre a regulamentação do trabalho sexual no Brasil, tráfico de seres humanos, exploração sexual e a resposta ao enfrentamento da epidemia de AIDS e das outras IST e HV. De acordo com as organizações, as discussões pretendem resultar em novos conceitos e pactos a fim de derrubar preconceitos, abrindo caminho para a solução das demandas das/os profissionais, trabalhadoras/es do sexo.

“Que os nossos governantes olhem mais para a população vulnerável da nossa sociedade. Nós temos hoje ONGs fechadas porque não tem como fazer o próprio custeio, então não conseguimos fazer esse trabalho de prevenção. Não queremos nenhuma prioridade, apenas entrar pela porta da frente, como qualquer outro na população. É preciso lembrar que a prostituição não envolve só uma mulher, mas sim parceiros fixos e parceiros eventuais, que não são poucos e, às vezes, são casados”, disse Carmem.

O evento é financiado pelo Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das IST, do HIV/AIDS e das Hepatites Virais do Ministério da Saúde.

O Seminário inclui hospedagem e alimentação para os três dias de atividades,.

Programação

O seminário incluiu oficinas; mesas temáticas; grupos focais; e, momentos de confraternização com teatro, dança e música.

Para mais informações, deve-se entrar em contato com o e-mail: inscricaoseminarioprost.2017@gmail.com

 

Previous ArticleNext Article