Edital de licitação para food trucks em Curitiba será lançado nesta semana

Narley Resende


O edital da licitação que vai estabelecer em que horários e locais públicos os food trucks devem operar em Curitiba deve ser lançado até o dia 3 de junho, próxima sexta-feira. Representantes da Prefeitura de Curitiba e da Associação Paranaense de Food Trucks (APFT) se reuniram na semana passada para definir o teor do edital.

O prazo de concessão da licença, a utilização de geradores para alimentar os food trucks e locais de parada para os veículos foram os principais temas da reunião.  A Prefeitura já definiu 18 locais públicos, com a liberação de 56 pontos, para que os caminhões possam operar. O número de pontos e de locais vai ser revisto.

Os interessados em participar da licitação vão ter 30 dias corridos, após o lançamento do edital, para apresentar as propostas. Na sequência, acontece a abertura das propostas e os proponentes têm 30 dias para apresentar os demais documentos para funcionar legalmente, inclusive licença da Vigilância Sanitária. De acordo com a associação, Curitiba tem aproximadamente 150 food trucks. Apenas 10 veículos estão licenciados pela Vigilância Sanitária. Outros 16 se cadastraram e esperam vistoria.

O prazo de concessão da licença para funcionamento caiu de 36 para 12 meses (um ano) prorrogável por mais 12 meses, após pedido da APFT. Também ficou acertado que em vez do uso de geradores – que poderia gerar incômodo à vizinhança por causa do barulho – os empresários vão poder usar o mesmo método adotado por feirantes. A Prefeitura solicita o uso de energia sustentável.

Características já definidas anteriormente foram mantidas, como o tempo de permanência do veículo na vaga (período de 4 horas); cada local terá entre dois ou três espaços (vagas) para a parada dos food trucks, os valores mínimos para os lances da licitação (R$ 1.171,10 para sete períodos e R$ 629,20 para quatro períodos) entre outros itens que serão conhecidos quando lançado o edital.

Previous ArticleNext Article