Funcionários da Urbs e Setran encerram greve

Mariana Ohde


Os funcionários da Setran e da Urbs decidiram, em assembleia na manhã desta sexta-feira (15), suspender a paralisação que começou na última terça-feira (12). A categoria, no entanto, permanece em estado de greve porque a negociação do reajuste salarial dos 1.500 trabalhadores com a Urbs ainda não terminou.

Os funcionários pedem, pelo menos, a reposição da inflação – de 9,83%, em parcela única, pagamento retroativo a maio. O aumento incidiria também nos benefícios, como o vale alimentação.

A Urbs afirma que pretende pagar a reposição, mas em quatro parcelas e sem o retroativo.

Por conta da greve, ficaram paralisados os serviços de fiscalização de trânsito, fiscalização do transporte coletivo e do Centro de Controle de Operações. Os agentes de Setran abriram uma exceção nesta quinta-feira (14), dia em aconteceu na cidade o revezamento da tocha olímpica. Aqueles que estavam escalados trabalharam normalmente. Também nesta quinta-feira aconteceu uma audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), que acabou sem acordo. Uma nova reunião no TRT foi marcada para as 14h da próxima quinta-feira.

A Urbs confirmou que os funcionários estão trabalhando normalmente.

(Com informações da CBN Curitiba)

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal