Motorista de ônibus embriagado perde controle e invade casas em Curitiba

Mariana Ohde


Um motorista de um ônibus Ligeirinho, que dirigia embriagado, perdeu o controle do veículo e acabou invadindo uma casa no bairro Cajuru, em Curitiba, na madrugada deste domingo (22). Ele foi preso em flagrante. Ninguém ficou ferido.

O acidente aconteceu por volta das 3h da manhã. O motorista do ônibus, que transportava apenas funcionários de uma empresa do transporte coletivo, também atingiu um carro, que trafegava pela rua, e uma oficina mecânica.

Segundo o delegado Vinícius Augusto de Carvalho, da Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran), o motorista estava dirigindo sob efeito de álcool, o que foi comprovado pelo teste do bafômetro, que indicou 0,83 miligrama de álcool por litro de ar expelido – valor muito acima do permitido por lei, de 0.05 mg/L. O motorista admitiu aos policiais que ingeriu bebida alcoólica antes de trabalhar. “Ele confirmou que teria bebido por volta das 15h. Mas, pela quantidade que o teste apontou, ele não teria bebido só até as 15h, ele teria assumido o plantão sob efeito do álcool”, explica o delegado.

Apesar da gravidade do acidente, ninguém ficou ferido. “Por sorte, não houve nenhuma vítima ferida, fatal ou lesionada, somente danos materiais”, afirma o delegado, explicando que o acidente aconteceu quando o motorista, que trafegava em uma via principal, entrou em uma via secundária, atingindo o outro veículo e os dois imóveis.

O motorista do Ligeirinho foi autuado em flagrante por dirigir sob efeito de álcool. Foi estipulada uma fiança, que não foi paga até o fim da tarde deste domingo. Portanto, ele permanece preso. A pena para quem dirige embriagado vai de seis meses a três anos de prisão, além de multa e suspensão da carteira de habilitação.

Em nota, a Urbs, que administra o transporte público na capital, informou que vai notificar a empresa para a apuração de responsabilidade e abrir processo administrativo para cumprir as medidas previstas no contrato e no regulamento.

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal