Polícia indicia homem que insultou e cuspiu em jovem dentro de ônibus

Mariana Ohde


O Núcleo de Proteção a Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria), da Polícia Civil, concluiu o inquérito policial relativo a um caso de racismo ocorrido no dia 17 de maio no transporte público de Curitiba. Um homem de 40 anos foi indiciado por incitar a discriminação contra uma jovem de 15 anos que estava no mesmo ônibus que ele, na linha Interbairros IV. A adolescente voltava da escola quando o homem a insultou e cuspiu nela.

Após a denúncia do crime, o Nucria localizou e identificou o suspeito, que foi reconhecido pela vítima. Passageiros que estavam no veículo e presenciaram os insultos prestaram depoimentos como testemunhas. O homem foi interrogado e confessou os insultos contra a adolescente. “Ele é usuário de drogas e afirmou que não sabe por que fez isso com a menor. Disse também que estava arrependido”, relata a delegada do Nucria, Patricia Conceição Nobre da Paz, responsável pelas investigações.

O suspeito responderá em liberdade pelo crime de racismo. Se condenado, poderá pegar pena de até três anos de prisão. A delegada responsável pelas investigações, Patrícia Conceição Nobre da Paz, representou ainda medidas cautelares à Justiça para que o suspeito não deixe a região. Ele também deve ficar proibido de frequentar terminais de ônibus, para evitar ocorrências similares.

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal