Torcedor do Coxa morto pela PM é velado em Curitiba

Mariana Ohde


Com CBN Curitiba

Está sendo velado nesta segunda-feira (20) na igreja do Sítio Cercado o adolescente que foi morto por um tiro disparado por um policial militar em frente ao estádio Couto Pereira neste domingo (19). O sepultamento está previsto para às 17h, no Cemitério Pedro Fuss, em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba.

A Polícia Militar agendou uma entrevista coletiva para a manhã desta segunda-feira para falar sobre o assunto. A informação inicial da PM é a de que o tiro foi acidental. O adolescente estava junto com outros torcedores, que seriam escoltados pela PM até a Arena da Baixada, onde estava marcada a partida entre Coritiba e Atlético-PR.

Antes do início da escolta, houve um princípio de confusão em frente ao Couto Pereira. A PM usou balas de borracha e gás lacrimogêneo para controlar a situação. Foi neste momento que o adolescente foi atingido no peito por um tiro de arma letal. Ele foi socorrido e levado ao Hospital Cajuru, mas não resistiu aos ferimentos e morreu durante uma cirurgia.

A PM ainda não informou se o policial que atingiu o adolescente foi afastado ou continua trabalhando normalmente.

Foram registradas outras confusões entre torcidas ao longo deste domingo de clássico. Pela manhã, houve uma briga na Cidade Industrial de Curitiba envolvendo cerca de 50 torcedores rivais. Há informações que pessoas teriam ficado feridas em outro tumulto na região do Cajuru.

Após o cancelamento do Atletiba, as duas torcidas saíram ao mesmo tempo da Arena da Baixada. Houve mais confusão na Rua Coronel Dulcídio. A PM deve detalhar as ocorrências policiais relacionadas ao clássico na coletiva de imprensa, marcada para as 10h.

Previous ArticleNext Article
Repórter no Paraná Portal
[post_explorer post_id="415472" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]