Curitiba realiza drive thru para aumentar vacinação contra poliomielite

Redação

Curitiba realiza drive thru para aumentar vacinação contra poliomielite

Para facilitar a vacinação contra a poliomielite, Curitiba irá retomar o serviço de drive thru para a aplicação das vacinas entre quarta-feira (28) e quinta-feira (29), das 9h às 17h.

Serão aplicadas as vacinas pelo serviço de drive thru em quatro localidades em Curitiba:

  • Big (antigo Walmart) – Avenida Arthur Bernardes, 1250;
  • Rua da Cidadania Cajuru – Avenida Pref. Maurício Fruet, 2150;
  • Paróquia São Braz – Rua Antônio Scorsin, 1840 – São Braz;
  • Faculdades Pequeno Príncipe – Avenida Iguaçu, 333 Rebouças;

Devem ser vacinadas crianças de 1 a 4 anos, sendo que a imunização em Curitiba atingiu até esta terça-feira (27), apenas 29,5% desse público-alvo.

A meta da Prefeitura de Curitiba é imunizar cerca de 90 mil crianças contra a poliomielite e desde 28 de setembro a vacina já está disponíveis em todos os postos de vacinação da cidade.

“Não é porque estamos há mais de 31 anos sem registro da doença que podemos descuidar. Já temos o exemplo do sarampo, que voltou após 20 anos. Então pedimos aos pais e responsáveis que não deixem a doença voltar para nosso meio”, explicou o diretor do Centro de Epidemiologia da SMS, Alcides Oliveira.

A poliomielite – também conhecida como paralisia infantil, é uma doença viral que pode ser transmitida pela água e alimentos contaminados ou pelo contato com outra pessoa infectada.

Alguns casos de poliomielite se demonstram assintomáticos, mas em outros o vírus pode causar paralisia parcial ou total nas pessoas contaminadas.

PARANÁ TAMBÉM ESTÁ ABAIXO NA VACINAÇÃO CONTRA A POLIOMIELITE

O Paraná também está abaixo na meta da vacinação contra a poliomielite, com apenas 46,5% das crianças de 1 a 4 anos tendo sido imunizadas.

Os dados atualizados até esta segunda-feira (26) constam no Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações.

O estado não registra casos de poliomielite desde 1986. sendo que em 1994 a doença foi erradicada oficialmente no Brasil. Mas em 2018, casos de sarampo foram registrados novamente no país devido a falta de imunização do público-alvo

cobertura vacinal, campanha de vacinação contra a poliomielite, poliomielite, pólio, paralisia infantil, calendário nacional de vacinação, carteira de vacinação, doses, vacina, paraná

LEIA MAIS: Paraná registra 23 mortes e 1.280 novos casos de Covid-19, aponta boletim

Previous ArticleNext Article