Dengue faz mais 10 vítimas e registra 10 mil casos novos em uma semana

Redação

Dengue: 243 cidades ainda estão em estado de epidemia no Paraná

A Secretaria Estadual da Saúde (Sesa) confirmou nesta terça-feira (12) mais 10 mortes causadas pela dengue no Paraná. São 132 óbitos registrados desde agosto do ano passado. Entre as vítimas estão duas crianças.

Em relação aos casos confirmados, a secretaria estadual confirmou mais 10.289 registros, totalizando 157.418 casos desde o início do ciclo epidemiológico.

Conforme a Sesa, mais da metade do Paraná está em estado de epidemia de dengue. Apucarana, Congoinhas, Planalto, Jundiaí do Sul e Foz do Jordão entraram para a lista nesta semana.

Ao todo, são 228 municípios em epidemia, o que representa mais de 57%. Todas as cidades em epidemia registram todas uma taxa de incidência de pelo menos 300 casos para cada 100 mil habitantes.

O número de notificações da dengue ultrapassou a marca de 300 mil, de acordo com a Sesa.

“A dengue mata e os números confirmam a gravidade da situação. Entre os óbitos confirmados na semana temos, inclusive, casos de crianças que morreram por causa da infecção”, disse o secretário da Saúde Beto Preto.

Por isso, ele reforça o apelo para que a população mantenha as medidas de prevenção.

“Alertamos a população para a eliminação dos criadouros do mosquito Aedes aegypti, porque os principais focos de transmissão estão nos domicílios”, explicou.

Apesar da alta taxa de contágio, a curva epidemiológica revela tendência de queda. Conforme a Sesa, a análise das últimas quatro semanas indica um cenário positivo em pelo menos 167 municípios.

A tendência é calculada não com os números absolutos, mas com as taxas semanais. Assim, os técnicos da secretaria estadual avaliam a situação mais próxima do momento atual.

+ Confira o boletim completo da dengue no Paraná (12/05/2020)

Previous ArticleNext Article