Depois de um mês de seca, previsão de chuva no Paraná

Jordana Martinez


A previsão do tempo confirma o que muita gente já percebe no ar. A umidade, que chegou a 12% em algumas regiões do Paraná nos últimos dias e levou o Instituto Nacional de Meteorologia disparar o “alerta laranja”, de perigo para a saúde e para o meio ambiente, já começa a voltar a níveis aceitáveis.

Depois de um mês sem registro de chuvas significativas, e do mês de julho mais seco dos últimos 40 anos, o Sistema Meteorológico do Paraná (Simepar), indica a possibilidade de chuviscos na região do litoral e em Guarapuava, no sul do estado.

Segundo o meteorologista Paulo Barbieri, a tendência é que a umidade volte a níveis normais nos próximos dias: “com a passagem da frente fria, a umidade do oceano vem em direção ao continente. Com a umidade os núcleos de chuva começam a ser formados. Isso acontece mais na região sul do estado, enquanto que nas demais regiões a previsão segue com temperaturas altas e tempo seco”, afirmou ao Paraná Portal.

Recorde de temperatura

As temperaturas chegaram a atingir 38,7ºC na região de Paranavaí, no noroeste do estado, na última quinta-feira. Com o ar seco e sem ventos, a sensação térmica é ainda mais elevada.

Enquanto a chuva não vem, seguem as orientações para amenizar os problemas de saúde decorrentes do ar seco, como ingerir bastante líquido, evitar atividades físicas e exposição ao sol nas horas mais quentes do dia e usar umidificadores de ar ou soluções caseiras, como toalhas molhadas e bacias água, principalmente durante a noite.

 

Previous ArticleNext Article
Profissional multimídia com passagens pela Tv Band Curitiba, RPC, Rede Massa, RicTv, rádio CBNCuritiba e BandNewsCuritiba. Hoje é editora-chefe do Paraná Portal.
[post_explorer post_id="455356" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]