Detento é assassinado em presídio da Lava Jato

João Carlos Cassiano Coelho, 26 anos, que estava detido no Complexo Médico Penal, em Pinhais, Região Metropolitana de Cu..

Andreza Rossini - 14 de junho de 2018, 14:29

Foto: Douglas Santucci / TV Band Curitiba
Foto: Douglas Santucci / TV Band Curitiba

João Carlos Cassiano Coelho, 26 anos, que estava detido no Complexo Médico Penal, em Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba, foi assassinado na manhã desta quinta-feira (14), por volta das 8h40, por seu companheiro de cela, após uma briga.

O presídio é o mesmo onde estão custodiados os presos da Operação Lava Jato, entre eles o ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha o ex-ministro Antonio Palocci, o ex-deputado André Vargas e o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto.

De acordo com o Departamento Penitenciário (Depen) os detidos da força-tarefa ficam em uma área selecionada.

O crime

Segundo o Depen os dois cumpriam medida de segurança no Complexo Médico e estavam sozinhos na cela, quando teriam se desentendido.

O local foi isolado e a polícia  foi acionada. A motivação do crime será apurada por inquérito policial, junto à Polícia Civil, assim como, procedimento administrativo junto à Corregedoria do Depen. O corpo será encaminhado ao IML.