Detento é assassinado em presídio da Lava Jato

Andreza Rossini

João Carlos Cassiano Coelho, 26 anos, que estava detido no Complexo Médico Penal, em Pinhais, Região Metropolitana de Curitiba, foi assassinado na manhã desta quinta-feira (14), por volta das 8h40, por seu companheiro de cela, após uma briga.

O presídio é o mesmo onde estão custodiados os presos da Operação Lava Jato, entre eles o ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha o ex-ministro Antonio Palocci, o ex-deputado André Vargas e o ex-tesoureiro do PT, João Vaccari Neto.

De acordo com o Departamento Penitenciário (Depen) os detidos da força-tarefa ficam em uma área selecionada.

O crime

Segundo o Depen os dois cumpriam medida de segurança no Complexo Médico e estavam sozinhos na cela, quando teriam se desentendido.


O local foi isolado e a polícia  foi acionada. A motivação do crime será apurada por inquérito policial, junto à Polícia Civil, assim como, procedimento administrativo junto à Corregedoria do Depen. O corpo será encaminhado ao IML.

Post anteriorPróximo post
Comentários de Facebook