Dono de posto de combustíveis que promovia aglomerações é denunciado no PR

Redação


O dono de um posto de combustíveis em São Carlos do Ivaí, na região noroeste do Paraná, foi denunciado pelo MPPR (Ministério Público do Paraná) após promover aglomerações em plena pandemia da Covid-19. Além disso, o homem agrediu um agente da vigilância sanitária que fazia uma fiscalização.

GRUPO NÃO USAVA MÁSCARAS DE PROTEÇÃO DURANTE AGLOMERAÇÃO EM POSTO DE COMBUSTÍVEIS 

Conforme a denúncia, além de permitir e tolerar aglomerações de pessoas -cuja maioria não utilizava máscaras de proteção, o homem permitiu veículos nas dependências do estabelecimento comercial. Assim como, o consumo de alimentos e bebidas na loja de conveniência em um domingo, não disponibilizou álcool em gel.

Com essa atitude, o denunciado descumpriu decretos municipais e lei estadual editados para a contenção da pandemia de coronavírus, mesmo depois de ter sido orientado, advertido e notificado pela Vigilância Sanitária do município.

A denúncia do MPPR elenca os crimes de infração de medida sanitária (art. 268 do Código Penal), desacato (art. 331), resistência (art. 329) e lesão corporal (art. 129). As penas somadas variam de um a seis anos de detenção, além de multa.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="705455" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]